Carlos Carvalhal e o duelo com o Estrela Vermelha: «É um grande desafio e gostamos disso»

Treinador do Sp. Braga fez a antevisão ao encontro com os sérvios a contar para a 1.ª jornada da Liga Europa

• Foto: José Gageiro/Movephoto

Carlos Carvalhal fez esta quarta-feira a antevisão ao encontro com o Estrela Vermelha, a contar para a 1.ª jornada do Grupo F da Liga Europa. O treinador do Sp. Braga diz tratar-se de um grande desafio defrontar um adversário que não perde em casa há dois anos, ainda assim afasta a ideia de que o empate seria um bom resultado.

"O Sp. Braga não entra em nenhum campo para empatar o jogo, entramos em todos os jogos para os tentar vencer. É o que temos feito e vamos fazer neste jogo, frente a um adversário difícil, que joga no seu estádio, que está há 46 jogos invicto no seu terreno, o último que perdeu foi em 2019. Isso é um grande desafio e nós gostamos de grandes desafios e vamos estar à altura do mesmo, disputando o jogo com vontade e com intenção de o vencer", referiu.

Há algum aspeto em particular do Estrela Vermelha que tema mais?

"Não tememos ninguém, mas respeitamos muito todos os adversários como este. O Estrela Vermelha é uma equipa boa no seu coletivo, com bons valores individuais também. Uma equipa com uma média de 28/30 anos e com quase todos os jogadores internacionais e que vale pelo seu todo. É o respeito que temos, mas não tememos ninguém e vamos destemidos para o jogo e com coragem para o tentar vencer", destacou.

Como viu os reparos à equipa de António Salvador depois do empate em Paços de Ferreira?

"Diria que foi quase ‘ipsis verbis’ com aquilo que disse depois do jogo. Portanto, não pode haver melhor alinhamento com as minhas próprias palavras. Concordo em absoluto, foi aquilo que eu disse a seguir ao jogo em Paços de Ferreira. Também dizer que foi um oásis desde a minha chegada ao Braga até ao momento, foi talvez a primeira vez que tivemos razões de queixa relativamente à atitude. Aquilo que pretendemos demonstrar é que aquele foi um dia menos bom e vamos abordar este jogo com uma atitude competitiva forte. Concordo em absoluto porque foi muito também aquilo que disse no final do jogo", concluiu.

Por Record
Deixe o seu comentário

Últimas Notícias

Notícias
Subscreva a newsletter

e receba as noticias em primeira mão

ver exemplo

Ultimas de Sp. Braga

Notícias

Notícias Mais Vistas