Meta dos 65 pontos a exigir superação

Para atingir o objetivo que resta da época, Jorge Simão tem de duplicar a parca média atual

• Foto: Simão Freitas

Não está nada fácil o início de reinado de Jorge Simão em Braga e o treinador corre mesmo o sério risco de não atingir a meta dos 65 pontos que estipulou quando foi apresentado no Minho.

Aliás, para chegar aos tais 65 pontos, o técnico já sabe que será necessária superação e a confirmação absoluta do que o seu processo está enraizado. Isto depois da consumação do quinto jogo consecutivo sem ganhar no campeonato (com três derrotas e dois empates), que confirma uma média muito baixa no consulado de Jorge Simão. São apenas 9 pontos acumulados em 8 jogos, o que dá algo como 1,125 por jogo, sendo que para atingir o tal objetivo que resta da temporada a equipa necessita de, pelo menos, duplicar essa média, chegando aos 2,25 por jogo. Contas fáceis de fazer, pois faltam 12 jogos até ao fim da Liga e nesses o Sp. Braga precisa de somar 27 pontos para chegar aos 65. Ou seja, ainda pode perder 9 pontos até ao final da estação, são três derrotas como margem de manobra em 12 jogos e... 9 vitórias!

Registe-se que os arsenalistas ainda têm de receber FC Porto e Sporting e, como termo de comparação, José Peseiro saiu de Braga à 13ª jornada com 26 pontos, uma média de dois por jogo!

Ricardo Ferreira reavaliado

Ontem, tal como é normal com Jorge Simão, o plantel teve direito ao treino de recuperação, onde não esteve Ricardo Ferreira. O defesa-central tem uma lesão muscular na coxa esquerda ainda não especificada, pois será reavaliado ainda hoje, mas é muito provável que esteja ausente do jogo em Setúbal, marcado para domingo, às 18 horas.

Por António Mendes
Deixe o seu comentário

Últimas Notícias

Notícias
Subscreva a newsletter

e receba as noticias em primeira mão

ver exemplo

Ultimas de Sp. Braga

Notícias

Notícias Mais Vistas