Rúben Amorim: «Equipa soube sofrer e ter bola quando tinha de ser»

Treinador sublinhou eficácia e qualidade do Sp. Braga nas bolas paradas

• Foto: Lusa/EPA

O Sporting de Braga venceu este sábado o Benfica por 1-0 e Rúben Amorim não escondeu a satisfação pelo resultado alcançado em pleno Estádio da Luz.

"Para vencer estes clubes é preciso algo mais do que a estrelinha, mas tivemos alguma... O Benfica também teve, com algumas defesas do Vlachodimos. Foi um grande jogo. O Benfica estava bem preparado, depois conseguimo-nos adaptar. Mas o mérito é dos jogadores, do Carlos Fernandes e do Adélio [Cândido], dois adjuntos que trabalham as bolas paradas e ganhámos na Luz e no Dragão com golos de bolas paradas. Gostava de realçar esse trabalho e a qualidade e maturidade da equipa, que soube sofrer quando tinha de ser, ter bola quando tinha de ser e e foi bastante madura", explicou o treinador dos minhotos em conferência de imprensa. 

Possibilidade de lutar pelo título: "O Sp. Braga quer manter a sua posição e melhorar. Na semana passada [empate 2-2 com o Gil Vicente] tínhamos o jogo controlado e uma pequena má receção mudou o jogo. Isto pode mudar de um momento para o outro, nenhuma grande equipa se faz só de grande momentos. Vamos ter maus momentos e estou sempre a preparar-me para isso, tentando adiar ao máximo essa fase má."

Fragilidades do Benfica: "É uma equipa muito ofensiva e com isso há espaços nas costas. Na 2ª parte, sobretudo a partir dos 70 minutos,  estávamos em superioridade numérica nas transições e foi por aí que tentámos matar o jogo. O Benfica também fez um grande jogo e só deu ainda mais mérito à vitória do Sp. Braga."

Melhor momento para encarar a Liga Europa?: "O Sp. Braga estava mal na Liga e bem na Liga Europa, o míster Sá Pinto não perdeu um único jogo na Liga Europa. Se temos esse exemplo não digo que seja o melhor momento. Estamos bem, as vitórias dão confiança e vamos preparar nos bem para o jogo [com o Rangers] e depois para o V. Setúbal no campeonato."

Estatuto de candidato ao título: "O plantel do Sp. Braga é muito bom, tem soluções, mas para ser candidato é preciso mais. Se pudesse manter estes jogadores 2 ou 3 anos era o ideal e poder lutar por algo mais. Mas o Sp. Braga tem de continuar assim, a meter jogadores como o Carmo, pois acreditamos neles.  Ser candidato ao titulo traz pressão extra. Os jogadores do Sp. Braga tecnicamente não ficam a dever nada aos grandes, mas a mentalidade é algo que se constrói com o tempo, mas estamos no caminho certo."

2
Deixe o seu comentário

Últimas Notícias

Notícias
Subscreva a newsletter

e receba as noticias em primeira mão

ver exemplo

Ultimas de Sp. Braga

Notícias

Notícias Mais Vistas