«Voz inconfundível e imagem singular»: Sporting reage à morte de Maria José Valério

Leões reagiram com publicação nas redes sociais do clube

• Foto: Sporting CP

O Sporting reagiu esta quarta-feira à morte da cançonetista Maria José Valério, um dos símbolos do clube, que hoje faleceu vítima da Covid-19.

"Criou e cantou a marcha que é a de todos nós, cantam todos os do Sporting, desde os netos até aos avós. A sua voz vai soar eternamente nos nossos corações. Até sempre, Maria José Valério", pode ler-se na mais recente publicação na página oficial dos leões no Twitter.

"O Sporting Clube de Portugal manifesta o seu pesar pela morte de Maria José Valério Dourado, que faleceu, nesta quarta-feira, aos 87 anos. Voz inconfundível e imagem singular, Maria José Valério, como era artisticamente conhecida, interpretou várias canções e deu voz à Marcha do Sporting. A artista, sportinguista de coração, marcava presença em Alvalade sempre que podia e participava em várias das festas leoninas espalhadas pelo País. Aos familiares e amigos, o Sporting CP manifesta o seu mais profundo pesar, não deixando de enaltecer e agradecer os anos de amor e dedicação ímpar de Maria José Valério ao clube", pode ler-se igualmente no comunicado do Sporting divulgado no site dos leões.

A intérprete de "Menina dos Telefones" (1961) morreu no Hospital de Santa Maria, onde se encontrava internada.

Por Record
8
Deixe o seu comentário

Últimas Notícias

Notícias
Subscreva a newsletter

e receba as noticias em primeira mão

ver exemplo

Ultimas de Sporting

Notícias

Notícias Mais Vistas

Copyright © 2020. Todos os direitos reservados. É expressamente proibida a reprodução na totalidade ou em parte, em qualquer tipo de suporte, sem prévia permissão por escrito da Cofina Media S.A. Consulte a Política de Privacidade Cofina.