Amorim diz que Porro ficou no banco por motivos físicos mas admite: «Se estará na final? Não faço ideia»

Treinador diz que o que lhe foi dito é que o lateral só sairá pela cláusula

A carregar o vídeo ...
O descuido de Rúben Amorim: «Já arranjei problemas. O Jorge Costa não está aí, se não...»
Rúben Amorim garantiu que Pedro Porro começou o Arouca-Sporting (1-2) no banco por motivos físicos, numa altura em que o futuro do lateral está em dúvida, pois a SAD leonina irá reunir amanhã com o Tottenham para negociar a transferência.

"Não vou comentar, Porro ficou de fora porque já teve muitas dificuldades contra o Vizela. Foi um risco deixá-lo tanto tempo e mesmo hoje 20 minutos foi arriscado. Entrou porque tinha de entrar, precisávamos de alguém desequlibrador. Vamos ver como é sábado. Confio no Esgaio, esteve muito bem na primeira parte, depois teve algum cansaço", disse o treinador na conferência de análise ao Arouca-Sporting (1-2).

Questionado novamente sobre uma possível saída, Amorim lembrou: "Se estará na final? Não faço ideia. Há a cláusula e o mercado não fechou. Não garanto nada por nenhum jogador. A ideia que me transmitiram é que só sai pela cláusula."
Por Record
16
Deixe o seu comentário

Últimas Notícias

Notícias
Subscreva a newsletter

e receba as noticias em primeira mão

ver exemplo

Ultimas de Sporting

Notícias

Notícias Mais Vistas