Bas Dost: «Treinador? O que importa é jogar mais»

Holandês salientou que a nacionalidade do novo técnico não é importante

• Foto: Vítor Chi

Bas Dost, herói da vitória do Sporting frente ao Chaves (2-1), falou da contratação do novo treinador, Marcel Keizer, que até é da sua nacionalidade: holandesa.

"Ainda não falei com ele. Amanhã [segunda-feira] estou de folga e depois vou falar com ele. Não interesse se é holandês ou português, o que importante é ganhar e jogar mais. É uma época difícil, mas temos 22 pontos. É bom", frisou, salientando que pensar no título, neste momento, não é o mais importante. "Agora há que jogar bom futebol", reforçou na flash-interview da Sport TV.

Depois de ter estado ausente dois meses por lesão, o holandês disse que sentiu fadiga no fim do jogo. "Estou muito cansado. Foram dois meses sem jogar", lembrou.

2
Deixe o seu comentário

Últimas Notícias

Notícias
Subscreva a newsletter

e receba as noticias em primeira mão

ver exemplo

Ultimas de Sporting

Notícias

Notícias Mais Vistas