Bruno de Carvalho sobre Adrien: «FIFA tem de dar soluções e não ser inflexível»

Presidente leonino disse hoje que todos os documentos entraram a tempo à exceção de um

• Foto: Ricardo Estudante

O presidente do Sporting, Bruno de Carvalho, voltou a falar esta quinta-feira na questão burocrática que impede o Leicester City de inscrever Adrien Silva depois de ter contratado antigo capitão de equipa dos leões, sublinhando que a FIFA não pode ser inflexível neste caso.

"Espero que o Leicester consiga encontrar uma solução junto da FIFA porque estamos a falar de um caso em que toda a documentação foi colocada no TMS dentro do tempo limite à excepção de um documento que entrou 14 segundos depois. O TMS deveria ter em consideração o início do envio dos documentos e não os escassos segundos de atraso em relação ao último [documento]", disse Bruno de Carvalho, em declarações prestadas ao jornalista da BBC Steve Crossman, que este colocou na sua conta no Twitter às 13h16.

"Adrien é uma excelente pessoa, um jogador fantástico e a FIFA tem de dar soluções nestes casos e não ser inflexível", prosseguiu o presidente do Sporting citado por Steve Crossman, reforçando: "Por ser justo e para bem do futebol temos esperança que no fim de tudo o Adrien seja inscrito e possa jogar."

"Este tipo de inflexibilidade por parte da FIFA não é justa e espero que a federação inglesa possa falar com a FIFA de forma a encontrar uma solução justa", encerrou Bruno de Carvalho.

O jornalista da BBC acrescentou noutros posts que colocou no Twitter que a federação inglesa já procurou desbloquear a situação, mas a FIFA remeteu-a para o que está escrito nos regulamentos. Ou seja, a decisão de recusar a inscrição de Adrien está tomada, como Record avançou ao início da noite de terça-feira. Segundo a BBC, o Leicester não se dá por vencido e vai recorrer.

85
Deixe o seu comentário

Últimas Notícias

Notícias
Subscreva a newsletter

e receba as noticias em primeira mão

ver exemplo

Ultimas de Sporting

Notícias

Notícias Mais Vistas