Confirmadas AG's para votar orçamento e decidir sobre suspensão de Bruno de Carvalho

Membros da anterior direção recorreram dos castigos, que serão apreciados em dezembro em reunião magna

• Foto: Lusa

O presidente da mesa da Assembleia Geral do Sporting, Rogério Alves, confirmou a realização de duas AG's até final do ano: a primeira já no dia 30, para votar o relatório e contas do ano anterior e o orçamento do próximo ano; a segunda para "apreciação dos recursos das sanções disciplinares aplicadas pela Comissão de Fiscalização (CF)", ou seja, serão analisados os recursos interpostos pelos membros da anterior direção que foram suspensos de sócio: Bruno de Carvalho (1 ano), Carlos Vieira, Rui Caeiro, José Quintela, Luís Gestas e Alexandre Godinho (todos por 10 meses).

"Houve processos que decorreram e deram origem a sanções, seja de suspensão ou expulsão, e as pessoas visadas apresentaram o seu recurso. O Conselho Fiscal e Disciplinar (CFD) avaliou a legitimidade do recurso, entendeu que os recursos estão em prazo e devem ser dirigidos à AG, que votará essas sançoes", começou por dizer o advogado à SIC Notícias.

Rogério Alves detalhou o processo, garantindo que os recursos interpostos pelos visados no que toca às suspensões não têm efeito suspensivo mas no caso das expulsões já têm: "A CF tomou as suas deliberaçoes. Entretanto, deram-se as eleições e entrou um CFD que tem as funçoõs antes detidas pela CF. Esta aplicou, tal como os estatutos dizem, as sanções. Os estatutos dizem que podem ser aplicadas suspensões e expulsões e o recurso diz que as pessoas visadas podem recorrer à AG. O estatuto diz que o recurso interposto não tem efeito suspensivo. A suspensão mantém-se até que seja revogada ou não. Já quanto à pena de expulsão, o recurso interposto, uma vez aceite, tem efeito de suspender a pena. O que vai acontecer é: das deliberações tomadas e que aplicaram penas de suspensão, esta Assembleia vai deliberar se as penas se mantêm ou são revogadas. A AG não promove a expulsão de sócios."

Expulsão de sócio de Bruno de Carvalho

Refira-se que a possível expulsão de sócio de Bruno de Carvalho é um processo que ainda decorre e, por isso, nunca será apreciado na AG de dezembro.

7
Deixe o seu comentário

Últimas Notícias

Notícias
Subscreva a newsletter

e receba as noticias em primeira mão

ver exemplo

Ultimas de Sporting

Notícias

Notícias Mais Vistas