Eduarda Proença de Carvalho 'invoca' Astérix: «Poção mágica do Panoramix está quase a acabar»

Antiga vice-presidente da mesa da assembleia geral do Sporting diz que "os habitantes do Sporting são como os Gauleses"

• Foto: Tiago Sousa Dias/Arquivo

Eduarda Proença de Carvalho, antiga vice-presidente da mesa da assembleia geral do Sporting, pronunciou-se, através do Facebook, sobre a atual situação do clube de Alvalade, fazendo uma analogia às célebres histórias do... Astérix.

"Os habitantes do Sporting são como os Gauleses. Só que nesta nova Gália, em vez de juntos lutarem contra os Romanos, o Obélix guerreia contra o Astérix, o Astérix guerreia contra o Abraracourcix , o Abraracourcix contra o Decanonix . E, nessa luta desmedida, ninguém percebe que a poção mágica do Panoramix está quase quase a acabar, e que só parando a guerrilha entre os habitantes podem todos procurar os ingredientes para a refazer", escreveu a antiga 'vice' da MAG naquela rede social ontem à noite, horas depois de oficializada a saída de Marcel Keizer do Sporting.

O holandês Marcel Keizer deixou ontem o comando técnico do Sporting, ao rescindir o contrato por mútuo acordo, menos de um ano após ter assumido funções. Keizer, de 50 anos, deixa o clube três dias depois de os leões terem perdido por 3-2 na receção ao Rio Ave, em jogo da quarta jornada da Liga. Leonel Pontes vai assumir o comando interinamente.

O holandês tinha contrato com o Sporting por mais duas épocas, até 30 de junho 2021, mas não chegou a completar um ano no clube, ao qual chegou em novembro de 2018, sucedendo a Tiago Fernandes que comandava interinamente a equipa, depois de o presidente Frederico Varandas ter despedido José Peseiro.

Em 2018/19, o técnico conquistou dois troféus, a Taça da Liga e a Taça de Portugal, conquistados em janeiro e maio, respetivamente, e ambos em finais ganhas nas grandes penalidades diante do FC Porto.

A equipa do Sporting, que ocupa o quinto lugar da 1.ª Liga, com sete pontos, menos três do que o líder Famalicão, vai ser comandada interinamente, segundo a mesma fonte, por Leonel Pontes, que orientava a formação de sub-23 dos leões.

Esta época arrancou da pior forma para o Sporting, ao ser goleado no início de agosto pelo Benfica na Supertaça, por 5-0, e ao perder pontos em dois dos quatro jogos disputados na 1.ª Liga, na primeira jornada, em casa do Marítimo (1-1), e na quarta, derrotado em casa pelo Rio Ave (3-2).

Com uma pré-época sem qualquer triunfo, o clube não deixou sair a 'estrela' Bruno Fernandes - considerado o melhor jogador da Liga em 2018/19 -, que assumiu ter tido uma oferta do Tottenham, mas vendeu Bas Dost (Eintracht Frankfurt), e, no último dia do mercado, Thierry Correia (Valencia) e Raphinha (Rennes), emprestando ainda Diaby ao Besiktas.

Um dia antes do anúncio da saída do Keizer, o do fecho das transferências, entraram Jesé Rodriguez (por empréstimo do Paris Saint-Germain), Boulasie (por empréstimo do Everton) e Fernando (por empréstimo do Shakhtar Donetsk).

Marcel Keizer chegou ao Sporting sem grande currículo, tendo como ponto alto ter treinado a equipa principal do Ajax cerca de seis meses, em 2017/18, antes de rumar ao Al Jazira, dos Emirados Árabes Unidos.

Por Record
61
Deixe o seu comentário

Últimas Notícias

Notícias
Subscreva a newsletter

e receba as noticias em primeira mão

ver exemplo

Ultimas de Sporting

Notícias

Notícias Mais Vistas

Copyright © 2020. Todos os direitos reservados. É expressamente proibida a reprodução na totalidade ou em parte, em qualquer tipo de suporte, sem prévia permissão por escrito da Cofina Media S.A. Consulte a Política de Privacidade Cofina.