Exclusivo Record: Marta Soares não conseguiu validar assinaturas para legitimar pedido de AG de destituição

Presidente da MAG revela que não foi dada ordem aos funcionários

• Foto: Luís Manuel Neves

Jaime Marta Soares revelou, em exclusivo a Record, que não conseguiu validar o requerimento que contém "mais de 3 mil e 500 votos" de associados do Sporting para a convocatória da Assembleia Geral de destituição dos órgãos sociais não demissionários.

O presidente da Mesa da Assembleia Geral sublinha que as referidas assinaturas são o espelho do "descontentamento dos sócios", porém, ao chegar a Alvalade, constatou que "não havia ordem aos funcionários", que elogia, para que estes pudessem validar o requerimento.

"Viemos aqui para apresentar mais de 3 mil e 500 votos dos associados para provar que a decisão da mesa em marcar uma Assembleia Geral assenta no descontentamento dos sócios, o que está devidamente comprovado com estas assinaturas que aqui estão. Não conseguimos que fossem validados porque não havia ordem aos funcionários para que se disponibilizassem para este serviço à Mesa", frisou Marta Soares, antes de elogiar os trabalhadores do Sporting em causa. "Os funcionários do Sporting têm grande profissionalismo. Têm sido de uma correção e respeito inexcedíveis. Disseram-me que não estavam autorizados", reforça.

61
Deixe o seu comentário

Últimas Notícias

Notícias
Subscreva a newsletter

e receba as noticias em primeira mão

ver exemplo

Ultimas de Sporting

Notícias

Notícias Mais Vistas