Frederico Varandas: «Acho que a Liga tem de ser urgentemente reduzida para 16 equipas»

Líder do Sporting acredita que o campeonato precisa de maior competitividade e de uma alteração no calendário desportivo

• Foto: Lusa
Frederico Varandas acredita que o campeonato português precisa de uma redução quanto ao seu número de equipas. O presidente do Sporting apontou, em entrevista exclusiva ao 'Canal 11', que a Liga deveria ser composta por 16 equipas de modo a aumentar a competitividade da prova.

"O Sporting tem de ser muito mais bem tratado em temas como a violência, a defesa do espectáculo, as reformas. Têm de haver reformas do quadro competitivo. Revejo-me no documento de Fernando Gomes. Acho que a Liga tem de ser urgentemente reduzida para 16 equipas. Isto já é mais à frente até. Playoff? Não acho que seja necessário. As equipas têm de ser muito mais protegidas, têm de aumentar a competitividade. Temos de ter menos equipas mas com melhores condições", começou por referir o líder leonino.

A par de uma reformulação do quadro competitivo, Frederico Varandas defende ainda que a campeonato português necessita de uma reforma quanto à segurança do espetáculo, de forma a levar mais famílias aos estádios e, assim, ajudar os clubes com menor massa adepta.

"Temos de ter pessoas que queiram pagar um bilhete mas têm de estar num estádio onde haja uma cadeira e não chova em cima deles, que não haja agressões e violência. Se os três grandes não estiverem alinhados nisto não se faz nenhuma reforma. Com muito boa intenção que tenha Liga e FPF. O futebol tem de ser de famílias e isto não há. Temos de valer mais. Como? Temos jogos com cinco mil pessoas e temos de ajudar esses clubes", apontou.

Reunião entre Benfica, FC Porto e Sporting foi "um momento histórico"

"Foi pelos vistos um momento histórico. Infelizmente é um momento histórico e digo infelizmente por uma razão. Eu não tenho de ser amigo do presidente do FC Porto e do Benfica. Muito menos podemos esquecer as rivalidades, elas fazem parte do futebol. Do ponto de vista da indústria, é uma loucura Benfica, Sporting e FC Porto não estarem alinhados, pelo menos 80% da visão do futebol português. Não estou a falar de rivalidade nem processos na justiça. Falo do ponto de vista empresarial e da indústria", finalizou.
4
Deixe o seu comentário

Últimas Notícias

Notícias
Subscreva a newsletter

e receba as noticias em primeira mão

ver exemplo

Ultimas de Sporting

Notícias

Notícias Mais Vistas