Frederico Varandas: «Superliga vai contra todos os princípios democráticos e de mérito»

Presidente do Sporting reage, em declaração a Record, ao anúncio da nova competição

Frederico Varandas reagiu ao anúncio da SuperLiga europeia, que tem 12 clubes fundadores e que abriu uma guerra de milhões no futebol.

"Com a informação recolhida até ao momento, esta Superliga vai contra todos os princípios democráticos e de mérito que devem imperar no futebol", disse o presidente do Sporting a Record.

A Superliga Europeia foi oficializada ao final da noite de domingo com 12 clubes fundadores, para já: AC Milan, Arsenal, Atlético Madrid, Chelsea, Barcelona, Inter Milão, Juventus, Liverpool, Manchester City, Manchester United, Real Madrid e Tottenham. Em comunicado conjunto, estes emblemas acrescentam que o objetivo é começar a competir o mais depressa possível com um total de 20 emblemas: 15 fundadores mais cinco por rendimento.

Por Record
27
Deixe o seu comentário

Últimas Notícias

Notícias
Subscreva a newsletter

e receba as noticias em primeira mão

ver exemplo

Ultimas de Sporting

Notícias

Notícias Mais Vistas