Jorge Jesus de mãos atadas: dispensado há quase duas semanas e sem notícias sobre despedimento

Desde dia 14, único contacto foi de... Augusto Inácio

• Foto: Miguel Barreira

Jorge Jesus está de mãos atadas, à espera que o Sporting decida quanto à sua permanência no comando técnico. Dispensado há quase duas semanas, o técnico não recebeu desde então notícias sobre o despedimento comunicado por Bruno de Carvalho.

Embora entenda não ter condições para permanecer, o amadorense, de 63 anos, está preparado para continuar e cumprir o contrato que o vincula aos leões até 30 de junho de 2019. De férias, Jesus não esconde desconforto perante esta indefinição.

A 14 deste mês, um dia depois de o Sporting ter perdido da Madeira e deixado escapar o segundo lugar, Jesus ouviu da boca do presidente que seria despedido e que lhe seria movido um processo disciplinar.

Sem condições

Desde então, não voltou a ser confrontado por quem comanda. O único contacto foi feito na passada quarta-feira por Augusto Inácio. O novo diretor-geral para o futebol, que está a tratar do dossiê treinador com Bruno de Carvalho, perguntou a Jesus se estava disponível para continuar, explicando-lhe que gostava de contar com ele. O experiente treinador respondeu-lhe negativamente, argumentando não ter condições para tal. No entanto, sabe Record, mostrou-se disponível para negociar uma saída amigável, ainda que esteja preparado para defender os seus direitos, cumprindo, se for caso disso, o último ano de contrato.

Suspenso 11 dias

Apanhado no meio do caos e da indefinição que reina em Alvalade, Jesus encontra-se de férias, sem qualquer convite em carteira ou sem ter sido, sequer, contactado. E ontem ficou a saber que foi suspenso por 11 dias, pelo Conselho de Disciplina da FPF, pelas declarações no final do desafio com o Moreirense, da 24ª jornada.

O técnico afirmou que era muito fácil expulsar jogadores do Sporting e que o vermelho mostrado a Petrovic apareceu no "momento certo". Os leões terminaram o jogo com nove jogadores, devido às expulsões de Petrovic e Gelson. O médio seria despenalizado.

Programa de pré-época desatualizado

A indefinição relativamente ao treinador deixa, por arrasto, a pré-temporada comprometida e por acertar. O que existe – ou, pelo menos, conhecido – é um programa elaborado por Jesus Jesus, numa altura em que o Sporting ainda tinha a expectativa de disputar a terceira pré-eliminatória da Liga dos Campeões e a Supertaça, o que perdeu validade, como consequência do terceiro lugar no campeonato e da derrota na final da Taça. De acordo com esse plano, o Sporting arranca para a nova temporada a 21 de junho, 51 dias antes da primeira jornada do campeonato 2018/19. E o último jogo de preparação está previsto para 28 de julho, com a realização do Troféu Cinco Violinos. Perante estas alterações, esse plano está longe de ser definitivo, sendo sujeito a alterações.

Por Nuno Martins e Vítor Almeida Gonçalves
16
Deixe o seu comentário

Últimas Notícias

Notícias
Subscreva a newsletter

e receba as noticias em primeira mão

ver exemplo

Ultimas de Sporting

Notícias

Notícias Mais Vistas