Jorge Jesus: «Se houvesse um vencedor seria o Sporting»

Treinador lamenta oportunidades desperdiçadas

• Foto: Paulo Calado

Sporting e Benfica empataram a 1 golo em Alvalade mas para Jorge Jesus a equipa leonina foi a que mais se destacou.

Jesus: «O Benfica fica satisfeito. Nós não»
O treinador do Sporting disse estar satisfeito "com a exibição mas não com o resultado". "Foi um jogo muito competitivo, entre duas grandes equipas que quiseram ganhar. Uma equipa que entrou a ganhar e outra que teve períodos na primeira parte com algum controlo do jogo. Mas as oportunidades de golo são todas do Sporting. Se houvesse um vencedor era o Sporting. Uma coisa é ter comando de jogo num espaço que permitimos. Outro foco são as oportunidades. É verdade que não as fizemos mas se contabilizarmos, o Benfica fez uma que foi o golo e o Sporting marcou o golo e teve mais duas. O Benfica teve um remate do Mitroglou, mais nada. Quando olhamos para o jogo, se quiseremos definir quem foi a melhor, nenhuma foi a melhor. Quem teve oportunidades? Foi o Sporting, não o Benfica. O resultado ajusta-se. Não conseguimos fazer o 2-0 nas duas oportunidades que tivemos. Num livre bem batido pelo Lindelöf, o Benfica acabou por empatar", referiu.

Jesus explica ausência de Rúben Semedo
Jorge fez ainda uma avaliação aos desempenhos de Jefferson e Paulo Oliveira, que foram titulares. "Entraram os dois bem. O Paulo esteve melhor, mas também esteve mais no jogo. Teve mais lances de bola dividida do que o Jefferson. Mas estiveram os dois bem. A equipa toda no momento defensivo esteve muito forte. Não estivemos tão bem ofensivamente principalmente na 1.ª parte, quando demos espaço para ter mais bola mas não criou oportunidades. Mas quando tivemos bola, saímos muito precipitados. O que espero que aconteça é que não haja casos e seja um espectáculo fora do jogo que agora acabou e que se respeitem. Foi um espectáculo bonito", afirmou.

Jesus e a ausência de cumprimento entre treinadores: «Que é que isso interessa?»
Questionado se está encontrado o campeão, respondeu: " Não... Tem vantagem. O que disse foi que a vantagem de partir para as 4 últimas jornadas com pontos de avanço. O Benfica está habituado e tem experiência destas decisões nos últimos jogos e tem uma boa equipa."

E quanto à ambição da equipa leonina, justificou: "Não corremos para o título. Corremos para tentar reduzir ao máximo a pontuação em relação à hipótese do 2.º lugar. Este jogo era muito importante ganhar para poder ainda fazer pressão. Matematicamente é possível mas na prática é impossível. Ganhando ainda havia muitas possibilidades de ir para 2.º lugar."

Por Pedro Gonçalo Pinto
40
Deixe o seu comentário

Últimas Notícias

Notícias
Subscreva a newsletter

e receba as noticias em primeira mão

ver exemplo

Ultimas de Sporting

Notícias

Notícias Mais Vistas