Rogério Alves anuncia que não haverá Assembleia Geral destitutiva no Sporting

Presidente da Mesa da AG explica fundamentos do indeferimento "por unanimidade"

A carregar o vídeo ...
A explicação de Rogério Alves para o indeferimento do pedido da AG destitutiva
A Mesa da Assembleia-Geral do Sporting anunciou esta terça-feira que foi indeferido o requerimento para a realização de uma sessão extraordinária, que tinha como ponto único a revogação, com justa causa, do mandato dos titulares dos órgãos sociais do clube.

Segundo explicou Rogério Alves, o indeferimento do requerimento "fundamenta-se em irregularidades formais", com o líder da Mesa da AG a referir que a deliberação foi tomada por unanimidade. 

"Ainda assim, a Mesa da Assembleia-Geral entende que os factos constantes do requerimento não integrariam o conceito de justa causa", acrescenta.

"A Mesa da Assembleia deliberou por unanimidade, isto é, indeferir, o requerimento que nos havia sido apresentado no dia 7 de janeiro do corrente visando a realização de uma Assembleia Geral cuja ordem de trabalhos seria a destituição dos órgãos sociais com a evocação de justa causa", explica Rogério Alves, o presidente da Mesa.

E passou a explicar os fundamentos. "Tratou-se de uma deliberação da Mesa e não do seu presidente, por isso a correspondente distribuição de competências prevista nos estatudos. Esta rejeição tem fundamentos de forma e de fundo. Os de forma têm a ver com o processo da recolha de assinaturas e a absoluta falta de garantias, que correspondem a muitas dúvidas, sobre quais os elementos, quais os documentos que foram disponibilizados aos subscritores, nomeadamente aos 383 subscritores que aqui podem ser considerados, no momento em que assinaram o documento. Porque, até pelas informações prestadas pelos próprios representantes dos requentes, fica claro que o documento foi sendo alterado, que existe um requerimento e um manifesto e fica claro, nomeadamente pela referência que é feita ao adiamento do congresso, que essa menção não era conhecida na data em que se iniciou o processo de recolha das assinaturas."

"A Mesa ficou com dúvidas insanáveis sobre quais terão sido os elementos que foram proporcionados aos subscritores no momento em que receberam a folha que lhes foi entregue para assinarem."

(Notícia atualizada às 13h20)
61
Deixe o seu comentário

Últimas Notícias

Notícias
Subscreva a newsletter

e receba as noticias em primeira mão

ver exemplo

Ultimas de Sporting

Notícias

Notícias Mais Vistas