Rúben Amorim, o técnico que 'não é treinador principal' mas é o melhor para os seus pares

Eleito o melhor da Liga em fevereiro pelos restantes treinadores da competição

• Foto: Sporting CP

Rúben Amorim foi o mais votado para receber o Prémio Vítor Oliveira - Treinador do Mês da Liga NOS, relativo ao mês de fevereiro, com 36,6% dos votos dos treinadores principais da competição. Na segunda posição ficou Carlos Carvalhal (Sp. Braga), com 30,07%, enquanto Daniel Ramos (Santa Clara), com 10,46%, foi terceiro.

Uma distinção que surge num momento em que o timoneiro do Sporting é acusado de fraude na inscrição como técnico principal, porque não tinha o curso exigido para exercer. Em causa, como Record adiantou, está o facto de Amorim ter sido inscrito como adjunto quando chegou ao clube, não o sendo. O problema é que o próprio regulamento impedia que, por não ter à data o nível UEFA-Pro, Amorim fosse registado como técnico principal.

Refira-se, porém, que Amorim passou em janeiro a estar registado como treinador principal na Liga. Isto porque, embora não tenha ainda o nível exigido, já está no curso para o tirar, o que permite a inscrição com técnico principal neste momento. É também por estar registado como tal na Liga que Amorim pôde ser eleito treinador do mês de fevereiro.

Por Record
18
Deixe o seu comentário

Últimas Notícias

Notícias
Subscreva a newsletter

e receba as noticias em primeira mão

ver exemplo

Ultimas de Sporting

Notícias

Notícias Mais Vistas