Teo Gutiérrez 'provoca' demissão do treinador do Junior Barranquilla

Declarações do presidente sobre avançado levam à saída

• Foto: Paulo Calado

Mesmo indiretamente, o avançado leonino Teo Gutiérrez influenciou a decisão de Alexis Mendoza em deixar, esta terça-feira, o cargo de treinador do Junior Barranquilla. Tudo por causa das declarações do presidente Fuad Char, que em entrevista ao 'El Heraldo' admitiu que Mendoza não quis a contratação do avançado leonino, por considerá-lo um "jogador complicado".

"Li as declarações ontem à noite e fiquei surpreendido com o senhor Fuad disse. (...) Há necessidade de falar com ele e é o que vou fazer hoje", disse, numa primeira instância, voltando depois a falar do dianteiro leonino e das polémicas declarações.

"Vamos conservar e esclarecer, mas se há algo de que tenho a certeza é que do Teo não tenho nada a dizer, porque nunca o tive como jogador, como companheiro de equipa, pelo que não posso dizer nada. O que me disseram era que a contratação dele era impossível pela parte económica. Não posso falar nada dele, pois a única coisa que posso dizer é que, economicamente, no momento em que ele queria vestir a camisola do Junior, falámos com o senhor Fuad e ele dissse que era impossível por questões económicas", acrescentou Mendoza, enquanto ainda era treinador do clube.

Horas depois, com a tal reunião pelo meio, Alexis Mendoza anunciou a sua saída do clube de Barranquilla.

Por Fábio Lima
1
Deixe o seu comentário

Últimas Notícias

Notícias
Subscreva a newsletter

e receba as noticias em primeira mão

ver exemplo

Ultimas de Sporting

Notícias

Notícias Mais Vistas