Varandas diz que para Bruno Fernandes ficar foi preciso vender Raphinha, Bas Dost e Thierry

Presidente dos leões explica tudo na mensagem que abre o relatório e contas da SAD

• Foto: Paulo Calado
Frederico Varandas revela que para Bruno Fernandes poder ficar em Alvalade foi necessário vender outros ativos. O presidente dos leões explica tudo na mensagem que abre o relatório e contas que os sócios do Sporting serão convidados a aprovar na AG da SAD de 1 de outubro.

"A manutenção de Bruno Fernandes implicou a venda, após 30 de Junho, de alguns jogadores, nomeadamente Raphinha, Bas Dost e Thierry Correia, permitindo-nos gerar receita sem colocar em causa o projeto desportivo", escreveu o líder leonino, enaltecendo ainda o facto de o clube ter conseguido " manter um dos melhores médios da Europa".

Varandas deixou ainda uma nota para "a entrada de jogadores com experiência e reconhecimento internacional, como são os caso de Luís Neto e Luciano Vietto, e de jogadores jovens com potencial de crescimento, como Rafael Camacho e Valentin Rosier".

O presidente da SAD leonina recordou que ficaram resolvidos durante este ano fiscal "os diferendos de resolução de contrato com os atletas Bruno Fernandes, Bas Dost e Rodrigo Battaglia que regressaram ao clube tendo ainda a Sporting SAD chegado a acordo com William Carvalho, Rui Patrício e Gelson Martins. Com Daniel Podence viria a chegar-se a acordo em Setembro de 2019 já como evento subsequente. Neste momento encontram-se apenas em contencioso os processos de Ruben Ribeiro e Rafael Leão."  
7
Deixe o seu comentário

Últimas Notícias

Notícias
Subscreva a newsletter

e receba as noticias em primeira mão

ver exemplo

Ultimas de Sporting

Notícias

Notícias Mais Vistas