Muralha sem consistência

Falta de solidez defensiva tem sido o calcanhar de Aquiles

• Foto: Simão Freitas

A chegada de Sérgio Conceição a Guimarães transformou por completo aquilo que estava a ser a época do Vitória até então. Os resultados melhoraram de forma significativa, mas há algo que o treinador ainda não conseguiu colocar ‘no ponto’. A falta de solidez defensiva tem sido o calcanhar de Aquiles da formação minhota, que tarda em conseguir fechar os caminhos da sua baliza aos rivais.

Os 36 golos sofridos esta temporada já ultrapassam o registo de 35 com que o Vitória terminou a última época, isto quando há ainda mais 11 jogos por disputar. Apesar desta muralha abalada pelos muitos golos sofridos, a realidade é que o ataque tem dado bem conta de si e só assim se explica que o Vitória não tenha somado qualquer derrota nos últimos oito jogos.

Um registo positivo, mas que poderia ser melhor se a defesa estivesse ao nível do ataque, já que os vimaranenses marcaram 19 golos e sofreram 15 nesta série.

Por José Miguel Machado
Deixe o seu comentário

Últimas Notícias

Notícias
Subscreva a newsletter

e receba as noticias em primeira mão

ver exemplo

Ultimas de V. Guimarães

Notícias

Notícias Mais Vistas

Copyright © 2020. Todos os direitos reservados. É expressamente proibida a reprodução na totalidade ou em parte, em qualquer tipo de suporte, sem prévia permissão por escrito da Cofina Media S.A. Consulte a Política de Privacidade Cofina.