Sérgio Conceição: «Houve uma quebra física de alguns jogadores na segunda parte»

Assume cansaço pelos três jogos numa semana

• Foto: Lusa
Sérgio Conceição não afastou o cenário de cansaço como motivo para o empate caseiro diante do Arouca (2-2) depois do V. Guimarães até ter estado a ganhar por dois golos.

"Na segunda parte, houve uma quebra física de alguns jogadores. Tinham jogado há 72 horas. Foram três jogos numa semana em que 80 por cento dos jogadores foram sempre os mesmos. Entrámos com intenção de ganhar, dentro do possível. Não foi a intensidade que a equipa está habituada a meter no jogo. De qualquer das maneiras, marcámos dois golos e saímos para o intervalo confortáveis com o resultado.  Entrámos na segunda parte, e eu alertei que o Arouca é uma equipa que só perdeu fora com o Rio Ave. É uma equipa que se organiza bem com o seu bloco baixo, que espreita sempre as saídas rápidas para o ataque. Poderíamos ter feito o 3-0, numa situação em que o Ricardo Valente e o Licá poderiam ter decidido melhor," reagiu. O técnico vitoriano não concordou depois que lhe apontassem dificuldades à equipa em manter o rendimento da primeira para a segunda parte.

"Não estou de acordo. Contra o Benfica, foi um jogo intenso do primeiro ao último minuto. Em Moreira de Cónegos, o vento é um fator importante no desenrolar do jogo. Nós jogamos contra adversários que têm valor e qualidade. Não jogamos sozinhos. Obviamente que eu queria estar por cima no jogo em todos os momentos, mas isso não é possível. Quem viu esta equipa até à paragem de três semanas e vê a equipa agora, vê que é completamente diferente, o que me deixa confortável em relação à segunda volta".


Por Lusa
Deixe o seu comentário

Últimas Notícias

Notícias
Subscreva a newsletter

e receba as noticias em primeira mão

Ultimas de V. Guimarães

Notícias

Notícias Mais Vistas