Zungu: «Podem ultrapassar a fase de grupos»

Médio sul-africano continua atento ao seu ex-clube e confia numa boa carreira na Liga Europa

• Foto: Paulo Calado

Zungu já não mora em Guimarães, mas continua a seguir a par e passo o Vitória pelo vínculo emocional que ainda mantém com o clube que lhe abriu as portas da Europa e a razão pela qual deposita total confiança no desempenho dos seus ex-companheiros na Liga Europa, acreditando que acabarão por conseguir o apuramento para as rondas decisivas.

Visão específica de um ex-vitoriano agora ao serviço dos franceses do Amiens e que precisamente por força desse dado também é um conhecedor profundo do potencial do Marselha, adversário que Zungu defrontou na última jornada da Ligue 1 e uma das equipas do grupo do Vitória na UEFA.

"O Vitória, em casa, é muito difícil de defrontar", atirou Zungu, garantindo que "o Marselha vai ter de trabalhar muito e estar sempre muito concentrado: "No futebol tudo pode acontecer. Em Guimarães trabalha-se muito bem e não só acredito que eles podem ganhar ao Marselha, como também podem garantir o apuramento nesta fase de grupos. Aliás, desejo-lhes mesmo a maior sorte do Mundo nesse sentido."

Visão otimista, contudo, que Zungu admite "exigir muita disciplina" aos minhotos. Essencialmente pelo nível elevado do adversário, já que Zungu também classifica o Marselha como uma das melhores equipas francesas, não tendo sido por acaso que se impôs em casa do Amiens (0-2).

Zungu lamentou alguma falta de oportunidades, mas garante que nunca vai esquecer a Cidade Berço. "Guimarães não é muito grande, mas é agradável, e o Vitória é um clube especial também porque tem adeptos especiais", comentou Zungu, garantindo que sempre deu o seu melhor ao serviço dos minhotos.

Equipa mais jovem do campeonato

O V. Guimarães viu a sua aposta na juventude certificada pelo Centro Internacional de Estudos Desportivos que, através do seu Observatório do Futebol, elaborou um ranking das equipas mais jovens em escalões principais panorama europeu. Os vitorianos surgem como o conjunto português com média etária mais baixa entre os jogadores utilizados no campeonato (24,73 anos).

Curiosamente, o rival nacional a esse nível é o Sp. Braga, que apresenta 25,03 anos como o registo dos elementos chamados por Abel Ferreira. De qualquer forma, e no espetro da UEFA, o V. Guimarães surge apenas na 51.ª posição numa lista encabeçada pelo Stal Kamianske, da Ucrânia (21,67). 

Por Marco Martins e Pedro Malacó
1
Deixe o seu comentário

Últimas Notícias

Notícias
Subscreva a newsletter

e receba as noticias em primeira mão

ver exemplo

Ultimas de V. Guimarães

Notícias

Notícias Mais Vistas