José Mota: «Sofremos três golos nas alturas»

Treinador do Aves lamenta falta de concentração

• Foto: Simão Filho
PUB

O Aves esteve a vencer em Braga e chegou a fazer pairar alguma tensão na Pedreira, mas no final acabou por ver os minhotos dar a volta e vencerem por 3-1. No final do encontro, José Mota admitiu que faltou alguma concentração em determinados momentos do jogo, especialmente naqueles que resultaram em golo do oponente.

"O que nos faltou foi estarmos mais concentrados, nomeadamente nas bolas paradas. Acabámos por sofrer três golos nas alturas, primeiro num livre, numa situação para o Wilson, que acaba por estar ali numa forma liberta dentro da área. O segundo, num canto, e o terceiro mais ou menos a mesma coisa. Percebemos que assim é extremamente difícil. A responsabilidade é de toda a equipa.

Estivemos concentrados [na primeira parte]. O Braga foi mais ofensivo no primeiro tempo do que no segundo, mas no segundo foi eficaz. No primeiro, fomos eficazes a defender. O Braga é muitíssimo forte, sai muitíssimo bem para o ataque, com jogo interior. Bloqueámos muito bem o jogo interior do Braga e obrigámo-los a jogar pelos corredores e a fazer cruzamentos.

Estivemos até ao 1-0 muitíssimo bem. Estávamos a jogar no meio-campo do adversário, a ter mais bola, que foi uma das características que nos faltou.

Temos de continuar a trabalhar. Sabemos que cada vez mais os jogos são decididos nas bolas paradas. Esperemos que as coisas mudem, que sejamos mais rigorosos e concentrados.

Fecho de mercado

Vamos continuar atentos, a ver o que é que o mercado nos pode servir. Se forem jogadores que possam ajudar a sermos melhores, a termos mais potencial, com certeza que vamos estar preparados. Mas as limitações financeiras ditam as suas regras. Estaremos atentos ao que pudermos conseguir.

Ausência de Nildo da ficha de jogo

São coisas do futebol, coisas do foro interno do próprio clube. Sou funcionário do clube, tenho de respeitar o clube. Os jogadores têm de respeitar o clube. Não respeitando, podem ser sancionados. Não estava presente para precisar a situação. Estamos todos sob a alçada disciplinar do clube."

Por Lusa
Deixe o seu comentário
PUB

Relacionadas