Providência cautelar apresentada pela SAD 'congela' venda de ações do Belenenses

Direção do azuis aguarda uma decisão cautelar

• Foto: Facebook Os Belenenses

A direção do Belenenses fez, esta sexta-feira, o ponto de situação sobre a venda da participação social detida na SAD, processo iniciado a 27 de setembro de 2019, após "vontade expressa" dos sócios em Assembleia Geral, realizada no dia 28 de Julho de 2018.

Através de um comunicado emitido no site oficial do emblema lisboeta, a direção do Belenenses revela que a SAD do clube apresentou uma "providência cautelar solicitando ao Tribunal que proibisse a venda", aguardando agora uma decisão cautelar para poder prosseguir com a venda das ações.

Leia o comunicado na íntegra

"A Direcção do Clube de Futebol "Os Belenenses" vem fazer um ponto da situação junto dos seus sócios, dos seus adeptos e do público em geral sobre o processo de venda da participação social detida na SAD.

No dia 27 de Setembro de 2019, dando cumprimento à vontade expressa pelos sócios em Assembleia Geral no dia 28 de Julho de 2018, a Direcção deu início ao processo de venda da sua participação social, tendo publicado um anúncio em que comunicou as condições em que aceitava receber propostas de interesse até ao dia 30 de Novembro de 2019, as quais estão sob análise.

Imediatamente antes do dia 30 de Novembro de 2019, ou seja, 1 ano e 4 meses depois dos sócios do Clube de Futebol "Os Belenenses" terem aprovado a venda e mais de 2 meses após a publicação do anúncio, a SAD apresentou uma providência cautelar solicitando ao Tribunal que proibisse a venda. A SAD também solicitou ao Tribunal que decidisse a providência sem audição da parte contrária, ou seja sem dar oportunidade ao Clube de se pronunciar, alegando que a situação era urgente (!).

O Tribunal indeferiu o requerimento da SAD para que não fosse ouvido o Clube de Futebol "Os Belenenses" e, assim, o Clube pôde apresentar a sua oposição.

Aguardamos a decisão cautelar.

Como é sabido a SAD tem em curso uma campanha de afronta aos sócios, adeptos, atletas e Direcção do Clube de Futebol "Os Belenenses", bem como de apropriação do património material e imaterial do Clube a qualquer custo, mesmo que para isso seja necessário incumprir decisões judiciais.

Tudo isto sucede com o suporte activo da Liga Portuguesa de Futebol Profissional.

Quando o Clube está prestes a separar-se definitivamente da SAD (e a SAD a separar-se do Clube que tanto ataca), para que cada instituição siga a sua vida como bem entende, a SAD aparece, no último momento, combatendo as decisões dos sócios.

Esta também é mais uma evidência do completo acerto da decisão tomada pelos sócios no dia 28 de Julho de 2018, que compete à Direcção do Clube executar, no respeito da legalidade e das decisões judiciais", pode ler-se.

Por Sérgio Magalhães
Deixe o seu comentário

Últimas Notícias

Notícias
Subscreva a newsletter

e receba as noticias em primeira mão

ver exemplo

Ultimas de Belenenses SAD

Notícias

Notícias Mais Vistas

Copyright © 2020. Todos os direitos reservados. É expressamente proibida a reprodução na totalidade ou em parte, em qualquer tipo de suporte, sem prévia permissão por escrito da Cofina Media S.A. Consulte a Política de Privacidade Cofina.