Velázquez: «Corte de eletricidade foi surreal»

Técnico lamenta situação prejudicial para o plantel

• Foto: Hélder Santos

Na sexta-feira, o clube cortou a eletricidade à SAD do Belenenses, situação que acabou por alterar todos os planos do plantel principal dos azuis do Restelo, que esta segunda-feira recebem o Sporting. Questionado sobre esta situação, Júlio Velázquez mostrou-se surpreendido por algo deste tipo acontecer num clube com a dimensão do Belenenses.

"Neste desporto, o mais importante são os adeptos. Logo a seguir, são os jogadores. Estamos a falar de uma instituição com muitos anos, com condições muito interessante para crescer, um estádio maravilhoso, soluções de estrutura muito interessantes. Estas situações são surreais. Não ajudam nada a preparar o jogo. Chegar às instalações e não ter luz, internet… não ajuda nada nem ajuda a que o clube cresça. A direção conseguiu resolver e tivemos tudo de volta, mas o corte de electricidade foi surreal e não ajuda nada no dia-a-dia da equipa", comentou, na conferência de imprensa de antevisão ao jogo de segunda-feira com o Sporting (21 horas).

Quanto ao embate com os leões, o técnico, de 34 anos, espera, naturalmente, um duelo exigente. "Espero um jogo difícil contra uma grande equipa. Não vai ser só complicado de início, mas durante todo o jogo. É uma equipa que aspira ganhar a Liga e está a fazer um grande campeonato. Claro que têm de vencer depois de o Benfica ter vencido, mas nós vamos fazer o nosso jogo. Sabemos que eles têm a necessidade imperiosa de ganhar, mas vamos jogar como sempre, à procura da baliza adversária e à procura dos três pontos. É assim que jogamos sempre. Nunca nos damos por vencidos", acrescentou o espanhol, que garante a mesma preparação seja contra o Sporting ou contra... o último classificado.

"A minha maneira de pensar é sempre a mesma, seja contra os três grandes como contra o último classificado. A equipa evoluiu muito. No último jogo fizemos um grande jogo e um grande resultado contra um Sp. Braga que eliminou o Fenerbahçe. Isso diz bem dos jogadores e da qualidade do balneário que temos. É normal que pontuar contra os três grandes custe muito a qualquer equipa da Liga portuguesa. Não há algo para mudar. A evolução é muito positiva. O normal é que faltando sete ou oito jogos já haja pontos para a permanência. Isso era impensável quando chegámos e estávamos no 15º lugar, a três pontos dos lugares de descida. Aconteça o que acontecer contra o Sporting, a evolução está a ser muito positiva", explicou.

Brandão e Aguilar ainda em dúvida

Limitados durante toda a semana, Gonçalo Brandão e Abel Aguilar continuam em dúvida para o embate com o Sporting. Questionado sobre este tema, o técnico garante que só amanhã irão ser tomadas decisões. "Vamos ver. Temos jogadores em dúvida por situações diferentes e amanhã tomamos as decisões. Não nos preocupa porque se não jogar um, joga outro e confiamos em todos. Só o Geraldes não pode jogar por estar emprestado", rematou.

Por Pedro Gonçalo Pinto
6
Deixe o seu comentário
Subscreva a newsletter

e receba as noticias em primeira mão

ver exemplo

Ultimas de Belenenses SAD

Notícias

Notícias Mais Vistas

Copyright © 2019. Todos os direitos reservados. É expressamente proibida a reprodução na totalidade ou em parte, em qualquer tipo de suporte, sem prévia permissão por escrito da Cofina Media S.A. Consulte a Política de Privacidade Cofina.

0