Record

André Santos: «Esta paragem vai fazer-me muito bem»

Médio já se estreou pelos azuis mas ainda está à procura da melhor condição física

André Santos estreou-se na equipa principal do Belenenses no empate (0-0) frente ao V. Setúbal, no Jamor. Apesar de ter jogado apenas cerca de dez minutos – entrou aos 79’ para o lugar de Lucca -, o médio não escondeu a satisfação por alinhar, pela primeira vez, com a camisola dos azuis. "Infelizmente, não conseguimos a vitória, mas fiquei feliz por me ter estreado com a camisola de um histórico", confessou André Santos, em declarações ao site da SAD do Belenenses.

O médio revelou as indicações de Silas: "O míster desejou-me boa sorte e disse-me que queria que eu tentasse abrir o jogo pelas laterais, porque o V. Setúbal estava a jogar bastante fechado."

O português foi o último a chegar ao plantel do Belenenses, proveniente do U. Craiova, da Roménia, e para ganhar ritmo competitivo começou a jogar na equipa de sub-23 dos azuis. "No primeiro jogo, em casa do Portimonense, tinha apenas quatro treinos e não me sentia ainda bem fisicamente. Depois, frente ao Rio Ave, já me senti melhor", adiantou André Santos, que, ainda assim, não está nas melhores condições físicas. "Claro que ainda não estou a 100 por cento, como os meus colegas. Ainda nem um mês de trabalho tenho aqui", explicou, destacando que a interrupção da Liga NOS vai ser benéfica. "Esta paragem vai fazer-me muito bem. Vou ter mais treinos com a equipa, vamos ter a Allianz Cup, o campeonato só regressa no final do mês e espero estar já na minha condição máxima", assegurou o médio, de 29 anos, formado no Sporting, que já passou por vários clubes em Portugal e no estrangeiro.

Deixe o seu comentário

Últimas Notícias

Notícias
SUBSCREVA A NEWSLETTER RECORD GERAL
e receba as notícias em primeira mão

Ultimas de Belenenses

Notícias

Notícias Mais Vistas

M