Soares de Oliveira confirma: 205 mil sócios e sem bancos

Administrador da SAD quer "aumentar militância" do Benfica

• Foto: Vítor Chi
PUB

Domingos Soares de Oliveira confirmou que o Benfica tem exatamente 205.060 sócios "com capacidade de voto e com quotas em dia". A revelação foi feita durante a 1ª Conferência Internacional de Marketing Desportivo, em Cascais. O administrador-executivo da SAD encarnada garantiu, porém, que o clube com mais sócios do Mundo para o ‘Guinness’ até 2014 não quer ficar por aí, depois de (após a renumeração de junho de 2015) o número ter caído de 247 mil associados para os 156.916.

"O maior desafio é perceber como é que podemos crescer para 300 mil, aumentando a militância nas casas do Benfica e isso é o que nos leva a pensar que há trabalho a fazer até 2027, que é a nossa visão de futuro", reiterou o dirigente que não quis abrir jogo quanto às metas internas a 10 anos descritas "num documento de 50 páginas". É uma realidade que o futuro está a ser precavido, segundo revelou Domingos Soares de Oliveira, mesmo sem levantar a ponta do véu: "Não vou dar detalhes sobre isso mas ainda ontem estive a discutir a renovação de um contrato por mais oito anos..."

Noutro âmbito, o CEO encarnado frisou que "seria muito complicado, nesta altura, gerar resultados desportivos sem gerar resultados financeiros", mostrando-se animado pelo facto de a SAD "já não estar numa situação crítica quanto à dívida".

"A nossa dívida começou finalmente a baixar e este ano vai ter uma redução superior a 100 milhões de euros. Há cerca de quatro anos que não temos qualquer novo financiamento no Benfica por parte da banca e temos vindo a reduzir o financiamento com os chamados empréstimos obrigacionistas", vincou o responsável encarnado. 

PROJETOS DE FUTURO

Digitalização

Domingos Soares de Oliveira reconheceu que houve um tempo em que "ninguém podia falar com os jogadores", mas que a aposta agora é na digitalização. O clube está num processo em que devem ser "criados conteúdos todos os dias à volta" dos atletas

Índia

As águias pretendem levar a cabo uma parceria com uma equipa da superliga daquele país, que se situa num mercado emergente para o clube, tal como o são a China, Estados Unidos e Reino Unido

Microsoft

O emblema da Luz encetou um protocolo à "escala mundial" para tentar perceber "quando é que um jogador está em risco de se lesionar", segundo Soares de Oliveira

Futebol feminino

A aposta trouxe um "grande impacto", segundo o CEO das águias: "Quando anunciamos uma nova jogadora, a notícia passa a ser a mais vista nas redes sociais"

Projeção

O dirigente assume estar de acordo com Jorge Jesus quando diz que "chegar às finais da Liga Europa dá uma projeção significativa"

Por Flávio Miguel Silva
Deixe o seu comentário
PUB