123 milhões em transações dão 'ganhos' de 102,7

Águias declaram mais de 60 milhões em amortizações e gastos associados

• Foto: Luís Manuel Neves

O exercício de 2016/17 permitiu ao Benfica fazer quase 123 milhões de euros com transação de jogadores. Abatendo os 20,333 M€ de gastos com transações, os ganhos atingiram os 102,7 milhões.

Como se pode ler na quarta e última página do relatório enviado à CMVM, o Benfica registou um total de 122,995 milhões de euros em rendimentos transações de direitos de atletas, um aumento de 41 milhões em relação à época anterior.

Os valores gastos em amortizações e perdas de imparidade de direitos de atletas do plantel atual foram de 43,728 M€.

O resultado com direitos de jogadores foi de 58,934 milhões de euros, quase o dobro do registado no ano anterior (30,113 M€).

Em 2016/17, o Benfica transferiu, entre outros, Gonçalo Guedes, Hélder Costa, Ederson e Lindelöf (as vendas de Nélson Semedo e de Mitroglou não estão incluídas neste exercício).

Por Sérgio Krithinas
Deixe o seu comentário

Últimas Notícias

Notícias
SUBSCREVA A NEWSLETTER RECORD GERAL
e receba as notícias em primeira mão

Ultimas de Benfica

Notícias

Notícias Mais Vistas

Copyright © 2019. Todos os direitos reservados. É expressamente proibida a reprodução na totalidade ou em parte, em qualquer tipo de suporte, sem prévia permissão por escrito da Cofina Media S.A. Consulte a Política de Privacidade Cofina.