Anderlecht ironiza ausência de Svilar e diz que guarda-redes está 'doente'

Belgas têm reservas em relação ao atestado médico apresentado pelo jogador

• Foto: Getty Images

O braço-de-ferro entre Svilar e a direção do Anderlecht continua, e ontem conheceu um novo desenvolvimento. Ao divulgar o habitual boletim clínico no seu site oficial, o clube belga comunicou todas as lesões, e terminou com uma nota de ironia ao anunciar a ausência do jovem guardião por estar doente. A palavra doente, sublinhe-se, foi escrita entre aspas, dando assim a entender que os belgas têm sérias reservas em relação ao atestado médico apresentado pelo jogador, de 17 anos.

Conforme Record já noticiou, as duas partes vão a tribunal, pois o Anderlecht alega que o contrato com o guardião é válido até junho de 2019, uma posição que viu reforçada com um parecer emitido pela Federação belga. Já o jogador pretende recorrer a uma cláusula que, alegadamente, lhe permitirá rescindir contrato (lei 1978).

Atento a todo o processo mantém-se o Benfica, que continua a aguardar que o guarda-redes complete 18 anos, o que acontecerá a 28 deste mês, para assegurar o seu concurso num processo semelhante ao que originou a chegada de Zivkovic à Luz.

Por Filipe Pedras e Vanda Cipriano
Deixe o seu comentário

Últimas Notícias

Notícias
SUBSCREVA A NEWSLETTER RECORD GERAL
e receba as notícias em primeira mão

Ultimas de Benfica

Notícias

Notícias Mais Vistas

Copyright © 2019. Todos os direitos reservados. É expressamente proibida a reprodução na totalidade ou em parte, em qualquer tipo de suporte, sem prévia permissão por escrito da Cofina Media S.A. Consulte a Política de Privacidade Cofina.