Record

André Luís e Delibasic são os "reforços" para Penafiel

LUISÃO SUSPENSO E NUNO GOMES LESIONADO

André Luís e Delibasic foram hoje chamados por Giovanni Trapattoni para colmatar as baixas de Luisão (castigado) e Nuno Gomes (lesionado), na visita de amanhã a Penafiel, para a 32ª e antepenúltima jornada da Superliga.

Luisão cumpre em Penafiel um jogo de suspensão, depois de ter completado uma série de cinco cartões amarelos no encontro da última ronda, frente ao Belenenses, enquanto Nuno Gomes sofreu uma lesão muscular no jogo da Luz, que os encarnados venceram por 1-0.

Trapattoni já confirmou hoje que o defesa brasileiro vai formar com Ricardo Rocha a dupla de centrais no Estádio 25 de Abril, faltando ainda saber quem jogará no lugar de Nuno Gomes.

Para já, o treinador italiano reforçou as alternativas no ataque com o regresso de Delibasic ao grupo dos eleitos, mas recusou adiantar quem será o substituto de Nuno, pois o leque de opções alarga-se ainda a Karadas e Mantorras.

O Benfica joga mais uma "final" na caminhada para um título que escapa já há 11 anos, na visita a uma equipa que já assegurou a permanência na Superliga. As águias mantêm três pontos de vantagem sobre o Sporting, que acaba de assegurar o apuramento para a final da Taça UEFA, enquanto o FC Porto segue isolado no terceiro posto, a quatro pontos da liderança.

Trapattoni preferia Penafiel "aflito"

Trapattoni admitiu que preferia visitar um Penafiel ainda a lutar pela permanência na Superliga, antevendo dificuldades na antepenúltima "final" do clube da Luz.

Com a liderança segura por magros três pontos de vantagem sobre o Sporting e praticamente a uma semana de receber os rivais lisboetas, o Benfica visita uma equipa que já assegurou a permanência no escalão principal, um cenário que merece de Trapattoni algumas cautelas.

"Às vezes é melhor jogar com equipas que ainda estão a lutar por um objectivo, seja no fundo ou no topo da tabela", confessou o técnico italiano, acrescentando que a tranquilidade dos adversários poderá ser um factor desfavorável aos encarnados. Ainda sobre o adversário, o italiano reconheceu que o Penafiel "está a jogar um bom futebol" e que apresentará "uma grande motivação" por defrontar o Benfica.

A "receita"

Depois de mais um triunfo "arrancado a ferros", na recepção ao Belenenses (1-0), Trap insiste que a equipa continua tranquila e ciente da "receita" necessária para garantir mais três pontos: "Sabemos como temos de jogar e o que fazer para ganhar o jogo. Não há ansiedade, há é uma grande vontade de vencer. Mas no futebol não há certezas de nada."

Apesar da perseguição apertada de Sporting e FC Porto (a quatro pontos), Trapattoni recordou que a matemática continua ao lado do Benfica, reforçando que os encarnados não têm de pensar nos resultados dos dois principais adversários na corrida ao título. "Temos de olhar para nós. Temos de manter a atitude e olhar para a frente e só depois podemos ver o que os outros fazem", salientou.
3
Deixe o seu comentário

Últimas Notícias

Notícias
SUBSCREVA A NEWSLETTER RECORD GERAL
e receba as notícias em primeira mão

Ultimas de Benfica

Seferovic pressiona Jonas

Avançado apresenta-se hoje no Seixal, após hat trick pela seleção, para discutir lugar no onze do Benfica
Notícias

Notícias Mais Vistas

M