Apoio a claques volta a tramar o Benfica

O pavilhão nº 1 da Luz também se encontra em risco de interdição

Adeptos no dérbi de hóquei em patins
Adeptos no dérbi de hóquei em patins • Foto: Pedro Ferreira

O pavilhão nº 1 da Luz também se encontra em risco de interdição, por 12 jogos. Em causa está o apoio aos grupos organizados de adeptos não constituídos como associação, No Name Boys e Diabos Vermelhos, no encontro de hóquei em patins frente ao Sporting, a 26 de maio passado.

A contraordenação do IPDJ assinala que a força policial deu conta de uma faixa em que se lia ‘E pluribus unum’, com "o N invertido". Ora, conclui-se que "a entrada e colocação desta faixa foram permitidas pelo arguidos", que "não desconhecia e não podia desconhecer a associação do símbolo N invertido ao grupo de organizados de adeptos No Name Boys".

Além disso, é referido que o Benfica "permitiu que, durante o jogo, o sector 5 da bancada (habitualmente destinado aos adeptos adversários) fosse ocupado" pelos Diabos Vermelhos. Os apoiantes sportinguistas foram transferidos "para uma bancada central (no meio dos adeptos do SL Benfica)".

Neste caso, a punição pode chegar à realização de 12 jogos à porta fechada. Por outro lado, a moldura legal aponta para uma multa de 2.500 a 200 mil euros. Foi também por apoio às referidas claques que o IPDJ puniu o Benfica com a realização de um jogo à porta fechada no estádio.

Por Nuno Martins
204
Deixe o seu comentário

Últimas Notícias

Notícias
SUBSCREVA A NEWSLETTER RECORD GERAL
e receba as notícias em primeira mão

Ultimas de Benfica

Notícias

Notícias Mais Vistas

Copyright © 2019. Todos os direitos reservados. É expressamente proibida a reprodução na totalidade ou em parte, em qualquer tipo de suporte, sem prévia permissão por escrito da Cofina Media S.A. Consulte a Política de Privacidade Cofina.