Benfica fala em "percurso inaceitável e inadmissível" e lembra que há final da Taça "para vencer"

Mensagem dos encarnados na newsletter diária

• Foto: Hélder Santos

O Benfica voltou a referir-se ao jogo com o Marítimo, dizendo que "acentuou a crise de resultados nesta segunda volta do Campeonato num percurso inaceitável e inadmissível para as exigências e ambições de quem aspirava a renovar o título de campeão nacional". Na newsletter diária, as águias falam de um "momento de reflexão e análise" e elogiam de novo a postura de Bruno Lage.

News Benfica

A derrota, ontem, no Funchal, acentuou a crise de resultados nesta segunda volta do Campeonato num percurso inaceitável e inadmissível para as exigências e ambições de quem aspirava a renovar o título de campeão nacional.

Quem poderia prever esta situação de uma equipa que, ainda recentemente, batia todos os recordes de resultados positivos e invencibilidade e que, inclusive, levava a que se questionasse o equilíbrio existente no futebol português?

O momento é de reflexão e análise e a decisão do jovem treinador Bruno Lage demonstra um elevado sentido de responsabilidade de alguém que, importa realçar, conduziu a equipa a uma Reconquista brilhante no último Campeonato.

Sobre o qual somos gratos e ficará para sempre na memória de todos os benfiquistas.

Pela frente temos cinco jogos do Campeonato e uma final da Taça de Portugal para vencer. Esse é o principal desejo e a exigência de todos nós para rapidamente ultrapassarmos esta grave crise conjuntural de resultados.

Agora não desvirtuemos o essencial. A obra feita nestes últimos anos e o presente do Clube falam por si com factos e resultados, seja ao nível desportivo, financeiro ou patrimonial.

Tal como o Presidente Luís Filipe Vieira afirmou ontem, "só foi possível chegarmos aqui porque tivemos estabilidade. Para o Bicampeonato, estivemos 31 anos à espera, para o Tri esperámos 39 e nunca tínhamos conquistado o Tetra. Isso só se faz com muito amor, paixão e profissionalismo e muita determinação".

Como ontem afirmámos, não existem benfiquistas só para os momentos de vitória, e se o percurso destes últimos anos nos habituou e criou uma expectativa sempre triunfante, importa ter presentes as lições do passado para não se repetirem os mesmos erros de que tanto nos custou a recuperar.

O amor e a dedicação dos nossos sócios e adeptos merecem, mais do que nunca, sentido de união e elevada responsabilidade e respeito por tudo aquilo que soubemos construir.

20
Deixe o seu comentário
Subscreva a newsletter

e receba as noticias em primeira mão

ver exemplo

Ultimas de Benfica

Notícias

Notícias Mais Vistas

Copyright © 2019. Todos os direitos reservados. É expressamente proibida a reprodução na totalidade ou em parte, em qualquer tipo de suporte, sem prévia permissão por escrito da Cofina Media S.A. Consulte a Política de Privacidade Cofina.

0