Benfica no top 30 de clubes com mais receitas a nível mundial

Águias no estudo da Deloitte pelo terceiro ano consecutivo

• Foto: Luís Manuel Neves

O Benfica encerra o top 30 do 'Money League', estudo da Deloitte que reúne os clubes que tiveram mais receitas na última temporada e que agora é liderado pelo Real Madrid que conseguiu receitas recorde de 750 milhões de euros. Barcelona e Manchester United (antigo líder neste estudo) completam o pódio.

Os 150,7 milhões de euros que o Benfica teve em receitas permitiu ao emblema liderada por Luís Filipe Vieira surgir pela terceira vez consecutiva no Top 30, sendo mesmo a única equipa portuguesa que ali constou. De qualquer forma, de acordo com a Deloitte, tal poderá não se voltar a repetir na próxima edição.

"A segunda saída consecutiva da fase de grupos da Liga dos Campeões, ao mesmo tempo que o campeão, o FC Porto, passou para os oitavos-de-final [já está nos quartos-de-final], pode dificultar a capacidade das águias manterem a sua posição no próximo Top 30", pode ler-se no estudo.

Refira-se que do total de receitas amealhado pelo Benfica, na época transata, a maior fatia insere-se na categoria onde se inclui as receitas televisivas e os prémios das competições nacionais e europeias: As águias somaram 62,6 milhões. As receitas de publicidade valeram ao Benfica 47,6 milhões de euros, enquanto o dinheiro angariado em dias de jogo (bilhetes e vendas associadas a cada partida) ficou-se pelos 40,5 milhões.

Por Valter Marques
Deixe o seu comentário

Últimas Notícias

Notícias
SUBSCREVA A NEWSLETTER RECORD GERAL
e receba as notícias em primeira mão

Ultimas de Benfica

Notícias

Notícias Mais Vistas