Benfica presta homenagem a Rogério Pipi: «Ficará imortalizado na história e no coração de todos»

Glória encarnada morreu este domingo aos 97 anos

Rogério Pipi, glória do Benfica um dos melhores avançados portugueses dos anos 1940 e 1950, morreu este domingo no Hospital de Santa Maria, em Lisboa, um dia depois de ter completado 97 anos. O clube da Luz já reagiu à triste numa mensagem assinada por Luís Filipe Vieira.

Mensagem do Benfica

Foi com profunda tristeza e pesar que o Sport Lisboa e Benfica e os seus milhões de Sócios, adeptos e simpatizantes tomaram conhecimento do muito triste falecimento de um dos maiores símbolos do nosso clube, Rogério Carvalho (Pipi).

Uma das Glórias que ficarão para sempre na nossa História e na memória de quem durante as décadas de 1940 e 1950 teve o privilégio de assistir às exibições de sonho daquele que é um dos nossos maiores goleadores de sempre e recordista de golos em finais da Taça de Portugal, em que durante 13 épocas no nosso Clube conquistou 10 troféus, com destaque para a Histórica Taça Latina.

Em meu nome pessoal e de todos os Órgãos Sociais do Sport Lisboa e Benfica, apresentamos à família e a todos os seus amigos as mais sentidas e comovidas condolências, por um de nós, que para sempre ficará imortalizado na História e no coração de todos os Benfiquistas.

Luís Filipe Vieira

Deixe o seu comentário

Últimas Notícias

Notícias
SUBSCREVA A NEWSLETTER RECORD GERAL
e receba as notícias em primeira mão

Ultimas de Benfica

Águia mais permissiva

Número de remates dos adversários subiu nas últimas jornadas da competição da regularidade

Notícias

Notícias Mais Vistas

Copyright © 2019. Todos os direitos reservados. É expressamente proibida a reprodução na totalidade ou em parte, em qualquer tipo de suporte, sem prévia permissão por escrito da Cofina Media S.A. Consulte a Política de Privacidade Cofina.