Benfica quer ser assistente em investigação por corrupção a Luís Gonçalves

Ministério Público já pediu documentos à Federação Portuguesa de Futebol

• Foto: Simão Freitas

O Benfica vai pedir para ser constituído assistente na investigação do Ministério Público (MP) a Luís Gonçalves, diretor-geral do FC Porto sobre quem recaem suspeitas de corrupção ativa, conforme foi noticiado esta terça-feira pelo Correio da Manhã.

As águias consideram ser parte interessada no processo, pois a investigação relaciona-se com factos ocorridos no campeonato da época passada. De acordo com a notícia vinda a público, o MP já pediu à Federação Portuguesa de Futebol elementos "imprescindíveis", entre os quais alguns relacionados com o Sp. Braga-FC Porto, disputado a 15 de abril deste ano, dirigido pelo árbitro Hugo Miguel e que terminou empatado 1-1.

Nessa partida, Luís Gonçalves foi expulso por ameaças ao quarto árbitro Tiago Antunes e acabou suspenso por 30 dias. No final da época, Tiago Antunes acabou por descer de categoria.

Deixe o seu comentário

Últimas Notícias

Notícias
Subscreva a newsletter

e receba as noticias em primeira mão

ver exemplo

Ultimas de Benfica

Notícias

Notícias Mais Vistas

Copyright © 2019. Todos os direitos reservados. É expressamente proibida a reprodução na totalidade ou em parte, em qualquer tipo de suporte, sem prévia permissão por escrito da Cofina Media S.A. Consulte a Política de Privacidade Cofina.

0