Record

Brasileiro Beto é reforco

"BENFICA É UM CLUBE À MEDIDA DA MINHA QUALIDADE", AFIRMA O MÉDIO

Aos 28 anos, e após "uma época fabulosa" no Beira-Mar, o médio-defensivo dá o salto  na carreira para o clube com que já sonhava há muito tempo. Confiante, o brasileiro diz que  a titularidade nos encarnados será "uma questão de paciência", pois acredita no seu valor
Brasileiro Beto é reforco • Foto: Manuel Azevedo
O médio-defensivo Beto esteve, ontem à tarde, na Luz para conversar com José Veiga e assinar um contrato com o Benfica válido por três épocas, com mais uma de opção.

O atleta ainda tinha mais dois anos de contrato com o Beira-Mar, mas a descida dos aveirenses facilitou o negócio. Ao que apurámos, o V. Guimarães apresentara uma proposta de 250 mil euros, motivo que forçou o Benfica a oferecer um pouco mais pelo passe do brasileiro. De qualquer forma, já havia um direito de opção dos encarnados, estabelecido em Janeiro, embora o clube da Luz tivesse, entretanto, sondado o maritimista Wênio.

O brasileiro regressou radiante a Aveiro na companhia da esposa. "Foi o dia mais feliz da minha vida. Agora, espero vingar no Benfica, tal como vinguei nos últimos clubes em que joguei", referiu a Record.

Aos 28 anos, Beto dá um salto na carreira. "O interesse do Benfica foi-me manifestado em Janeiro e sempre acreditei poder vir a representar este clube grandioso. Para mim significa uma grande conquista e vai ao encontro da minha ambição, que é um dia vir a ser campeão", afirmou o médio, que não teme a forte concorrência.

"O Benfica tem grandes jogadores e a minha oportunidade certamente chegará. Vai ser uma questão de paciência", adiantou, acrescentando: "É um clube à medida da minha qualidade."

Beto revelou que "desde a segunda época no Paços de Ferreira [2001/02]" pensa em vestir de águia ao peito. "É a concretização de um sonho, porque jogar no Benfica não está ao alcance de todos. Assinei o contrato da minha vida e isso só foi possível porque fiz uma época fabulosa", frisou ainda.

«Liga dos Campeões é um aliciante extra»

Beto deixa uma equipa que desceu de divisão para representar o campeão nacional, o que lhe abre novas portas. "É claro que poder jogar na Liga dos Campeões, por um clube grande e com tamanha projecção internacional como o Benfica, é um aliciante extra", referiu o médio-defensivo que revelou ter "inúmeros clubes interessados".

Na hora da despedida, o brasileiro deixa uma palavra aos aveirenses. "Deixo o Beira-Mar com alguma tristeza, especialmente por ter descido. Aveiro é uma cidade que me marcou, mas agora surgem novos horizontes e sinto-me radiante", referiu. Curiosamente, Beto marcou um golo ao Benfica no último campeonato na transformação de um livre directo. Um dos pontos fortes do reforço benfiquista.
90
Deixe o seu comentário
SUBSCREVA A NEWSLETTER RECORD GERAL
e receba as notícias em primeira mão

Ultimas de Benfica

Notícias

Notícias Mais Vistas

M