Bruno Lage: «Temos de criar mais oportunidades e fazer mais golos»

Técnico do Benfica dá a receita para o que aí vem

O resumo do Benfica-V. Setúbal

Satisfeito pela vitória e pelos 3 pontos conseguidos diante do V. Setúbal, Bruno Lage considerou que o Benfica foi um justo vencedor da partida desta noite, ainda que admita que a equipa da Luz tem de no futuro saber criar mais oportunidades e apontar mais golos.

"Foi uma vitória justa da nossa parte. Controlámos sempre o jogo. O V. Setúbal entrou como esperávamos: organizado, com bloco baixo, muita gente a controlar a posse, para depois tentar sair em transição com os alas e o seu avançado. Nós entrámos bem no jogo, de alguma forma colámos um pouco a organização do Setúbal à sua área. Fomos criando oportunidades, mas nem sempre com o critério certo. Temos de tentar ter mais paciência para levar a bola de um lado para o outro. A troca do Gabriel foi para isso mesmo, mas depois da Supertaça esteve sem jogar e praticamente sem treinar estava condicionado para fazer apenas 45 minutos", começou por explicar, à BTV.

"Tínhamos de tentar variar com velocidade, para desorganizar o Vitória. A entrada do Carlos foi para tentar forçar e tirar partido dos cruzamentos. Depois, quando chegámos ao golo e tínhamos de controlar, acontece a expulsão do Adel. Aí foi manter-nos concentrados. Mas com muita gente a recuperar e regressar, sem ritmo ideal, foram 10 minutos de equipa, de entrega... Valeu imenso o apoio dos adeptos nessa fase, pois não permitimos oportunidade para o Vitória reduzir. Fico satisfeito pelos 3 pontos e pelo final deste bloco difícil. Temos a Liga dos Campeões ainda, mas estamos em primeiro, estamos sólidos... Vamos ter a Champions ainda, mas depois disso teremos tempo para recuperar e treinar, de forma a termos um jogo mais consistente. Temos de criar mais oportunidades e fazer mais golos", pediu o técnico.

Em relação à atuação de Tiago Martins, que mereceu muitos protestos das bancadas da Luz, Bruno Lage não quis entrar em grandes comentários. "Nunca comentei arbitragens e não vai ser agora. O árbitro faz o papel dele e nós fazemos o nosso. Temos de ter a tranquilidade necessária, pois isso é fundamental a uma equipa que quer ser campeã e grande. Temos de ser pacientes nos momentos certos, de ser consistentes quando tem de ser, e temos de olhar para nós e não para o árbitro ou para o adversário", finalizou.

Por Fábio Lima
Deixe o seu comentário

Últimas Notícias

Notícias
SUBSCREVA A NEWSLETTER RECORD GERAL
e receba as notícias em primeira mão

Ultimas de Benfica

Notícias

Notícias Mais Vistas

Copyright © 2019. Todos os direitos reservados. É expressamente proibida a reprodução na totalidade ou em parte, em qualquer tipo de suporte, sem prévia permissão por escrito da Cofina Media S.A. Consulte a Política de Privacidade Cofina.