Bruno Lage: «Tivemos de mexer com a emoção dos jogadores»

Treinador do Benfica explicou que o discurso ao intervalo ajudou a mudar o rumo do jogo

• Foto: LUSA

O Benfica venceu (2-1) o Santa Clara, na deslocação aos Açores, em jogo a contar para a 11.ª jornada da Liga NOS. 

A perder por 0-1 ao intervalo, Bruno Lage acredita que o discurso que teve com os jogadores no balneário acabou por mudar o rumo do encontro e ajudar os jogadores a irem à procura do triunfo. 

"Sim, fundamentalmente pela qualidade do adversário. [O Santa Clara] é uma equipa muito interessante e já nos tinha causado muitos problemas. Procura espaços entre linhas e sabíamos que podíamos procurar esses espaços. Faltou-se a verticalidade. Depois conseguimos fazer muito melhor na segunda parte. Penso que acabamos por ser justos vencedores, perante um adversário muito competente", afirmou o técnico do Benfica, em entrevista rápida à Sport TV.

Discurso ao intervalo

"Tivemos de mexer com questões tácticas com a entrada do Vinícius e depois mexer com a emoção dos jogadores. É um assunto particular, fica entre nós, mas tivemos que procurar a solução tática e emocional e penso que correu da melhor maneira, porque viu-se a equipa completamente diferente na procura do que pretendíamos, de chegar o mais rapidamente possível ao empate e depois chegar à vitória".

Liderança reforçada do campeonato

!Temos sempre de fazer a análise das várias competições. Tínhamos o objectivo claro de fazer este ciclo de jogos a vencer. Estamos neste momento na liderança. Estamos satisfeitos com isso que vamos fazendo, mas temos um longo percurso a fazer e agora um tempo de paragem para depois reentrar outra vez muito forte nas competições e que começa com a mesma sequência: Taça de Portugal, Liga dos Campeões e Campeonato".

Deixe o seu comentário

Últimas Notícias

Notícias
SUBSCREVA A NEWSLETTER RECORD GERAL
e receba as notícias em primeira mão

Ultimas de Benfica

Notícias

Notícias Mais Vistas

Copyright © 2019. Todos os direitos reservados. É expressamente proibida a reprodução na totalidade ou em parte, em qualquer tipo de suporte, sem prévia permissão por escrito da Cofina Media S.A. Consulte a Política de Privacidade Cofina.