Record

Carlos Bossio: «Estou muito ansioso e com ''ganas'' de vencer»

GUARDA-REDES REJEITA PROMESSAS E PROMETE RESPONDER... NO CAMPO

Carlos Bossio: «Estou muito ansioso e com ''ganas'' de vencer»
Carlos Bossio: «Estou muito ansioso e com ''ganas'' de vencer»

JOÃO RUI RODRIGUES E PEDRO SÁ DA BANDEIRA, enviados especiais

Madrid -- O Benfica até nem tinha como prioridade contratar mais guarda-redes mas na sua viagem à Argentina Jupp Heynckes ficou impressionado com as qualidades de Carlos Bossio, um internacional argentino que defendia as redes do Estudiantes de la Plata, e resolveu mandar avançar para a sua contratação. Bossio deixou para trás o campeonato argentino e dá agora início a uma aventura europeia que classifica como "um sonho que se está a tornar realidade. Durante a viagem e enquanto lia o Record, mostrou-se bastante interessado com o quotidiano do seu novo clube. "Sérgio Nunes no Benfica. É bom jogador? Disseram-me que o Benfica está a construir uma grande equipa."

Chamado várias vezes à selecção das pampas por Passarella, Bossio espera agora ser titular do Benfica e assim ser de novo convocado para representar a selecção da Argentina. O guarda-redes vai permanecer mais algum tempo em Lisboa, regressando depois a Buenos Aires para tratar de tudo e gozar alguns dias férias. Entretanto, já elegeu o Parque dos Príncipes como a sua nova casa em Lisboa, na qual terá a companhia da esposa. “Giménez disse-me que era o melhor para fugir ao trânsito intenso em Lisboa."

-- Quando soube que o Benfica estava interessado em si?

-- Há cerca de um mês. O meu empresário foi contactado e posteriormente falei com Jupp Heynckes, que me deu conta do interesse do Benfica. Fiquei muito contente, pois trata-se de um grande clube europeu.

-- Falou-se que havia outros clubes interessados no seu concurso. Porque preferiu o Benfica?

-- Primeiro de tudo, o Benfica foi o primeiro clube a falar comigo e apresentou-me uma boa proposta. Depois os outros clubes europeus interessados (n.d.r. escusou-se a dizer os nomes) não eram tão grandes como o Benfica.

-- O que conhece do futebol português?

-- Não conheço muito, mas falaram-me sempre bastante de Eusébio e do Benfica. Sei também que o FC Porto ganhou os últimos cinco campeonatos e espero ajudar a inverter essa tendência.

-- O seu grande objectivo é ser campeão pelo Benfica?

-- Sim, sem dúvida, mas sei que é muito difícil. Contudo, devido à sua tradição e importância o Benfica tem de jogar sempre para ser campeão.

-- Nota-se que está um pouco ansioso.

-- Sim, estou muito ansioso e com "ganas" de vencer com a camisola do Benfica.

PREUD'HOMME

-- Conhece Ovchinnikov e Enke, os outros guarda-redes do Benfica?

-- Não, não os conheço. Só conheço Preud'homme, que durante muitos anos foi o melhor guarda-redes do Mundo. Quero ser titular, sei que vai ser difícil mas confio nas minhas potencialidades.

-- Gostaria de jogar com Preud'homme?

-- Sim, seria um "sonho" para mim, pois penso que poderia aprender muito com ele e com a sua experiência.

-- Conhece o treinador do Benfica, Jupp Heynckes?

-- Só falei com ele uma vez, mas sei que é um treinador sério e que trabalha muito bem. Foi campeão europeu e é um dos melhores treinadores do Mundo.

-- O que é que os sócios do Benfica podem esperar de si?

-- Não gosto de falar muito, prefiro responder no campo. Só prometo muito trabalho e uma enorme entrega ao clube.

-- Conhece os outros argentinos que jogam em Portugal?

-- Hanuch conheço, mas não muito bem. Joguei contra o Duscher e estive com Acosta na selecção argentina. O Quiroga só o vi jogar alguns jogos. O que conheço melhor é o Giménez, meu colega no Estudiantes, que me disse "maravilhas" do clube e do País.

-- É verdade que o Sporting também esteve interessado em si?

-- Que eu tivesse conhecimento não.

BOSSIO GOLEADOR

Carlos Bossio não é um guarda-redes vulgar. O novo reforço dos encarnados é muito conhecido na Argentina não só pelas suas inequívocas qualidades mas também pelo facto de ter marcado um golo. A situação não é vulgar quando no mesmo campeonato actua José Luis Chilavert, mas Bossio foi o primeiro guardião a conseguir um tento sem ser em bola parada. "É muito difícil de transmitir o que senti nesse momento. Fiquei muito contente, sobretudo pela alegria que consegui dar aos adeptos do Estudiantes. Naquela altura senti um milhão de coisas. Foi uma sensação formidável", confidenciou o argentino.

UMA CAMISOLA INVULGAR Outra das particularidades de Carlos Bossio é o facto de durante muito tempo o guarda-redes argentino ter utilizado uma camisola bastante invulgar como imagem de marca. Durante muitos anos Bossio utilizou uma camisola que tinha estampada na parte da frente uma baliza com um sinal de proibição, com a intenção de dissipar os avançados da vontade de violar a baliza defendida pelo novo reforço do Benfica. "Essa camisola já é velha, já não a utilizo há muito tempo. Foi-me oferecida por uma pessoa e não penso voltar a utilizá-la, até porque hoje em dia todos os clubes têm publicidade estampada nas camisolas", afiançou.

Deixe o seu comentário

Últimas Notícias

Notícias
SUBSCREVA A NEWSLETTER RECORD GERAL
e receba as notícias em primeira mão

Ultimas de Benfica

Notícias

Notícias Mais Vistas

M