«Considerar Luisão a maior referência viva do Benfica de hoje só por idiotice ou interesse futuro»

Rui Gomes da Silva sublinha que antigo capitão "não merece ser usado como arma de parte do Benfica contra a outra parte"

Rui Gomes da Silva voltou esta segunda-feira ao 'tema' António Simões e a BTV. Depois de, na semana passada, no 'Dia Seguinte' da SIC Notícias, o antigo dirigente do Benfica ter afirmado que "António Simões vale mais sozinho que todas as pessoas que estão na BTV", hoje atira-se aos "tontos que, tendo descoberto o Benfica quando lhes começaram a pagar, não só comparam António Simões a Luisão, como fazem deste último a maior referência viva do Benfica!".

"Não ter memória ajuda ao disparate, não ter ligado ao Benfica até muito tarde acrescenta potencial ao erro, ... mas o que perde mesmo as pessoas são os interesses! Luisão foi um grande jogador! Um grande jogador que, em 14 anos de Benfica, ganhou 20 títulos (eu sei que para os detratores foram 7 as Taças da Liga) mas ganhou. Sendo, em muitos desses títulos, o capitão ... com antecessores como Cosme Damião, Cavém, Águas, Coluna, Eusébio, Simões, Toni, Humberto Coelho, Néné, Shéu, e Veloso. Mas considerá-lo a maior referência viva do Benfica de hoje ... só por idiotice ou por interesse futuro (mesmo que indiretamente)!", pode ler-se no texto que assina no blogue Novo Geração Benfica.

Recorde-se que António Simões garante que foi afastado pelo Benfica da BTV, ao passo que a estação de televisão do clube da Luz nega qualquer censura à antiga glória dos encarnados.

Leia o excerto do texto sobre o tema:

(...) "Ora, ainda a propósito da guerra que lhe moveram, e como eu dizia, há uma semana, no DIA SEGUINTE, ... "António Simões vale mais sozinho que todas as pessoas que estão na BTV.

Não quero, com isso, diminuir, pessoal e profissionalmente, quem como Ricardo Palacin, Hélder Conduto, Luís Costa Branco ou João Martins, entre outros, dão a cara pelo Benfica.

Eles próprios, como tantos outros, perceberão o alcance e o enquadramento dessa verdade!

O problema são os tontos que, tendo descoberto o Benfica quando lhes começaram a pagar, não só comparam António Simões a Luisão, como fazem deste último a maior referência viva do Benfica!

Não ter memória ajuda ao disparate, ... não ter ligado ao Benfica até muito tarde acrescenta potencial ao erro, ... mas o que perde mesmo as pessoas ... são os interesses!

SIMÕES, JOSÉ AUGUSTO, ...MAS TAMBÉM NÉNÉ ... E LUISÃO!

Luisão foi um grande jogador!

Um grande jogador que, em 14 anos de Benfica, ganhou 20 títulos (eu sei que para os detratores foram 7 as Taças da Liga) mas ganhou.

Sendo, em muitos desses títulos, o capitão ... com antecessores como Cosme Damião, Cavém, Águas, Coluna, Eusébio, Simões, Toni, Humberto Coelho, Néné, Shéu, e Veloso.

Mas considerá-lo a maior referência viva do Benfica de hoje ... só por idiotice ou por interesse futuro (mesmo que indiretamente)!

Luisão não merece ser usado como arma de parte do Benfica contra a outra parte.

Ele saberá proteger-se de quem o quer utilizar ... mesmo depois de um ano de contrato ... tão mal explicado ... como o foi este 18/19!

Até porque só assim entrará para uma galeria dos que - vivos, para manter o critério dos tontos que puxam este tipo de classificações - honraram o Benfica por terem ganho 6 ou mais campeonatos nacionais (Simões 10, Néné 10, Shéu 9, José Augusto, Toni, Humberto Coelho e José Henrique 8, Angelo e Veloso 7, Chalana, Adolfo e Vítor Martins 6 (se os meus dados estão corretos)!

Com um pequeno pormenor ... destes só José Augusto e Angelo Martins foram ... bicampeões europeus! 

Como alguém escrevia ... há pessoas que, pelo que dizem, já é mau estarem conotados com o Benfica ... agora imaginem terem o apoio do Benfica!!!"

Deixe o seu comentário

Últimas Notícias

Notícias
SUBSCREVA A NEWSLETTER RECORD GERAL
e receba as notícias em primeira mão

Ultimas de Benfica

Notícias

Notícias Mais Vistas

Copyright © 2019. Todos os direitos reservados. É expressamente proibida a reprodução na totalidade ou em parte, em qualquer tipo de suporte, sem prévia permissão por escrito da Cofina Media S.A. Consulte a Política de Privacidade Cofina.