Dunga: «Ederson tem personalidade e boa saída da baliza»

Selecionador brasileiro explica chamada do guardião do Benfica para a Copa América

• Foto: Paulo Calado

Grande surpresa na lista final do Brasil para a Copa América, o guarda-redes Ederson foi alvo de elogios por parte do selecionador canarinho Dunga. Esta quinta-feira, pouco depois do anúncio da convocatória, o técnico brasileiro explicou a sua opção e mostrou-se até bastante conhecedor do trabalho que o benfiquista tem feito.

As explicações de Dunga para convocar Ederson
"O Ederson jogou numa equipa menor em Portugal. Entrou na equipa do Benfica no posto de outro jogador que tem grande nome na seleção brasileira. Numa grande equipa como o Benfica. Tem personalidade, boa saída da baliza, boa perceção. No futebol moderno o jogador precisa de também saber ser jogador de linha e ele tem algumas dessas características", começou por dizer.

"Nós usamos uma metodologia que, quando um jogador se destaca, trazemo-lo para a seleção para ver o comportamento. Em relação aos guarda-redes, a nossa análise é diferente da que é feita por um adepto ou mesmo por um jornalista. Muita vezes vemos um guarda-redes fazer uma defesa e dizemos 'que defesa!', mas foi uma defesa de reflexo. Boa defesa, mas de reflexo. A base técnica, o segundo movimento, a forma dele atuar, temos de ter alguém específico a analisar, que é o Taffarel e o Maia, que é um observador de guarda-redes no nosso centro de inteligência", acrescentou.


Por Fábio Lima
13
Deixe o seu comentário

Últimas Notícias

Notícias
Subscreva a newsletter

e receba as noticias em primeira mão

ver exemplo

Ultimas de Benfica

Notícias

Notícias Mais Vistas

Copyright © 2019. Todos os direitos reservados. É expressamente proibida a reprodução na totalidade ou em parte, em qualquer tipo de suporte, sem prévia permissão por escrito da Cofina Media S.A. Consulte a Política de Privacidade Cofina.

0