E-Toupeira: Benfica suspeita que decisão do Tribunal da Relação esteja tomada

Advogados emitem um comunicado

O Benfica emitiu uma nota para contestar a notícia da TVI que dá conta que Rui Teixeira, juiz responsável por analisar o recurso do Ministério Público que pretende que a SAD do clube da Luz vá a julgamento, se mostre bastante crítico ao facto de altos responsáveis das águias não terem sido acusados no âmbito do processo E-Toupeira.

"Muito estranhamos que, não tendo havido ainda sequer conferência de Juízes naquele Tribunal (que é a sede própria para decidir recursos, em coletivo), já possa ser conhecido e anunciado o teor de uma suposta decisão", pode ler-se num comunicado assinado pelos advogados João Medeiros, Paulo Saragoça da Matta e Ru Patrício. 

Os causídicos contestam o timing da notícia e alertam para o facto da decisão que é para ser conhecida esta quarta-feira, após uma conferência do Tribunal da Relação, já possa ter sido tomada.

"Aliás, se a notícia for verdadeira, então amanhã na conferência os senhores juízes 'decidirão' o que já existe e já foi conhecido publicamente hoje, o que é institucionalmente pelo menos delicado e carece de explicação", escreveram os advogados, tendo depois alertado que existem várias questões no processo que causaram estranheza: "Respeitamos as instituições e os Tribunais em qualquer caso, e concordemos ou não com as decisões e sejam elas favoráveis ou desfavoráveis aos interesses que defendemos e que julgamos justos e certos, mas não podemos deixar de muito estranhar (para além da estranheza que o adiamento recente do julgamento dos arguidos pronunciados ou o tão rápido agendamento desta conferência já nos provocaram, diga-se) esta notícia de hoje, e ainda mais estranharemos (e, se for legalmente caso disso, reagiremos) se ela for verdadeira e se a conferência na Relação de amanhã sufragar um "facto consumado" desta natureza e se a instituição judiciária no seu todo o aceitar".

Recorde-se que na fase de instrução a juíza Ana Peres decidiu pela não pronúncia da SAD benfiquista, numa decisão que mereceu o recurso do Ministério Público. Contudo, de acordo com a mesma estação televisiva, também o MP não escapa a críticas do juiz Rui Teixeira e que se poderia ter ido "mais longe"

Por Valter Marques
Deixe o seu comentário

Últimas Notícias

Notícias
SUBSCREVA A NEWSLETTER RECORD GERAL
e receba as notícias em primeira mão

Ultimas de Benfica

Notícias

Notícias Mais Vistas

Copyright © 2019. Todos os direitos reservados. É expressamente proibida a reprodução na totalidade ou em parte, em qualquer tipo de suporte, sem prévia permissão por escrito da Cofina Media S.A. Consulte a Política de Privacidade Cofina.