Equipa exulta com penálti defendido

Vlachodimos bastante saudado pelos colegas

• Foto: Paulo Calado

O clima era de festa até ao minuto 88, altura em que Samaris atingiu Carraça na grande área e o árbitro Rui Costa não teve dúvida em apontar a marca de penálti. Mateus encarregou-se de o bater mas foi ocasião para Vlachodimos brilhar entre os postes, voando para a bola de forma a manter o 5-1 que haveria de ser o resultado final.

A equipa acorreu para junto do guardião grego para festejar o castigo máximo defendido mas Vlachodimos queria uma reação de pronto, já que a defesa havia redundado num canto e o Boavista tentava surpreender... sem sucesso. O jogo acabou pouco depois e a equipa saiu aplaudida da Luz. Gedson entregou a camisola a um apanha-bolas, ao passo que Samaris cedeu a sua a um adepto.

Deixe o seu comentário
SUBSCREVA A NEWSLETTER RECORD GERAL
e receba as notícias em primeira mão

Ultimas de Benfica

Notícias

Notícias Mais Vistas

Copyright © 2019. Todos os direitos reservados. É expressamente proibida a reprodução na totalidade ou em parte, em qualquer tipo de suporte, sem prévia permissão por escrito da Cofina Media S.A. Consulte a Política de Privacidade Cofina.