Record

Escalona já rescindiu e Carlos Bossio está em risco

«CASO» DOS PASSAPORTES AMEAÇA TAMBÉM GUARDIÃO

O BENFICA rescindiu contrato com Escalona devido a irregularidades no passaporte italiano com que o defesa- -esquerdo foi inscrito no futebol português, revelando ainda haver irregularidades nos documentos de Bossio.

”Confirmo a existência de problemas no passaporte de Bossio”, afirmou João Malheiro. O director de comunicação do clube da Luz salientou que ”o Benfica entende que os responsáveis pela situação, quaisquer que sejam, devem ser encontrados e penalizados”.

Quanto às responsabilidades, a posição do clube é bem clara. ”Tal como no caso do Escalona, o Benfica agiu de boa fé e, por isso, não pode, evidentemente, ser penalizado”, referiu o porta-voz dos encarnados.

Já que se fala de Escalona, a situação do lateral-esquerdo está resolvida. ”O jogador já rescindiu com o Benfica e vai regressar ao Chile, seu país de origem”, afirmou João Malheiro. Numa fase em que se constrói o plantel para 2001/02, a saída de Escalona é bem acolhida.

Isto porque desde que a Polícia Judiciária (PJ) apreendeu o passaporte ao chileno, este deixou de contar como comunitário, o que, aliado ao facto de os encarnados ainda não terem liquidado a verba acordada pela transferência com o Colo Colo, contribuiu para este ”divórcio”.

Dadas as semelhanças entre as situações de Escalona e Bossio – aliás, o processo de investigação da PJ seguirá os mesmos passos –, a possibilidade de o guarda-redes argentino também vir a abandonar o Benfica foi levantada de forma natural.

”Não é seguro que assim seja”, adiantou João Malheiro, o qual traçou o único cenário seguro até ao momento. ”Até agora, o Bossio era comunitário e deixará de o ser na próxima época caso se confirmem as irregularidades”.

Escalona

Alejandro Escalona mostrou pouca disponibilidade para comentar a rescisão com o Benfica. Contactado, segunda-feira, a meio da tarde, o jogador limitou-se a dizer que o assunto ficou resolvido com o seu advogado, Dias Ferreira, antes da sua viagem para o Chile, onde já se encontra.

Na hora de confirmar a rescisão do contrato com os encarnados, Escalona resguardou-se. ”Não estou ao corrente”, afirmou dando um sinal claro de não querer falar mais sobre o assunto. Refira-se que o passe do lateral esquerdo pertence ao Colo Colo, clube chileno que Escalona representou antes das experiências no Torino e Benfica, as quais duraram ambas apenas uma temporada.

Bossio

Bossio está calmo e tranquilo apesar de a Polícia Judiciária (PJ) estar a investigar o seu passaporte italiano por ter detectado irregularidades. ”É apenas uma investigação, nada mais. Estou muito tranquilo”, afirmou, segunda-feira, o guardião argentino à partida para os Estados Unidos onde vai representar os encarnados nos dois jogos da digressão de final de temporada. Recorde-se que esta foi a segunda época de Bossio no Estádio da Luz, onde chegou no início de 1999/2000 proveniente da equipa argentina do Estudiantes de la Plata, trazido pelo técnico Jupp Heynckes. Em dois campeonatos, Bossio contabilizou 16 jogos.
Deixe o seu comentário
SUBSCREVA A NEWSLETTER RECORD GERAL
e receba as notícias em primeira mão

Ultimas de Benfica

Notícias

Notícias Mais Vistas

M