Ferro e a renovação: «Só espero conseguir continuar a corresponder da melhor maneira»

Defesa do Benfica relembrou o momento em que chegou às águias e a dificuldade que teve em adaptar-se

• Foto: Filipe Farinha

Francisco Ferreira, mais conhecido por 'Ferro' no mundo do futebol, renovou esta quinta-feira contrato com o Benfica até 2024, prolongando assim o contrato por mais uma época.

Em declarações à BTV, o defesa de 22 anos afirmou que quer corresponder com a confiança depositada pelo Benfica e continuar "a corresponder da melhor maneira e dar alegrias aos adeptos".

"É muito bom, é espectacular. A aposta do Benfica em mim só tenho de agradecer tudo o que fizeram. Só espero conseguir continuar a corresponder da melhor maneira e dar muitas alegrias aos nossos adeptos. Pressão? Claro que dá e não posso dizer que seja pressão. Os adeptos pensam que terei de provar a renovação. É vestir a camisola e corresponder", afirmou Ferro.

O defesa do Benfica relembrou as dificuldades que sentiu quando chegou às águias. "Não foi fácil no início. Foi um impacto de primeiro ano. Vim como iniciado de primeiro ano mas não me consegui adaptar, estive cá 20 dias mas tinha muitas saudades da minha família. Ainda fui tentar ir à escola mas não deu. O Benfica sempre me disse que se não me sentia bem aqui não fazia sentido ficar cá. Propuseram-me o Tabueira para passar lá esse ano. Passei lá, fiquei mais um ano e depois regressei. Ao inicio não era Ferro era Kiko. Quem me acompanhou de lá até aqui está muito orgulhoso", referiu.

Empréstimo ao Casa Pia

"Não foi fácil. Não me obrigaram mas propuseram porque não iria ter muito tempo aqui. Com a proposta tive um choque, mas pensei que sempre quiseram o melhor para mim e que o Casa Pia o seria. Só tenho de agradecer ao Casa Pia. Só lá estive seis meses e não um ano. Fez-me crescer em vários sentidos, sobretudo em dar valor ao que temos aqui. Ir ver realidades lá fora e voltar, percebemos que aqui temos tudo. Nunca pensei em desistir, tive sempre quem me apoiasse. Há momentos que estamos mais em baixo."

Seleção e momento no Benfica

"É, sem dúvida, um sonho tornado realidade. Está a ser uma experiência incrível. Está tudo a acontecer muito rápido. Nem eu estou a acreditar que isto está a acontecer. É para isso que me preparo todos os dias e tem sido fantástico o apoio dos adeptos, o balneário. É incrível. Quando é para trabalhar estamos todos para isso e há momentos para brincar, para fazermos as nossas coisinhas. É muito bom. O plantel sabe separar. É muito saudável."

Futebol profissional

"Sente-se a evolução, por causa da qualidade do treino. O choque não foi tão grande porque já tinha trabalhado com o mister Bruno Lage na equipa B. O que trabalhava na equipa foram as mesmas bases. O choque não foi tão grande se fosse com outro [treinador]. Nota-se a diferença na intensidade para o plantel principal."

Dupla com Rúben Dias

"É muito bom. Já partilho o campo com ele há muitos anos. Foi sempre um companheiro e um grande líder que pude ajudar e ele ajudar-me a mim."

Chamada à Seleção Nacional

"Foi uma surpresa, o concretizar de um sonho. Conheci jogadores que não conhecia pessoalmente. Foi uma experiência muito enriquecedora e quero voltar lá."

Objetivos para o futuro

"Não gosto de pensar muito à frente. Estou no Benfica e quero ajudar o Benfica a conquistar todos os objetivos", finalizou.

Por Flávio Miguel Silva e Sérgio Magalhães
Deixe o seu comentário

Últimas Notícias

Notícias
Subscreva a newsletter

e receba as noticias em primeira mão

ver exemplo

Ultimas de Benfica

Notícias

Notícias Mais Vistas

Copyright © 2019. Todos os direitos reservados. É expressamente proibida a reprodução na totalidade ou em parte, em qualquer tipo de suporte, sem prévia permissão por escrito da Cofina Media S.A. Consulte a Política de Privacidade Cofina.

0