Record

Gilmar Veloz: «Benfica convidou Scolari»

EMPRESÁRIO DO TÉCNICO CONFIRMA REUNIÃO COM JOSÉ VEIGA

O representante de Scolari, Gilmar Veloz, confirma que o Benfica mostrou interesse em contratar o actual seleccionador nacional. "Estive há pouco tempo em Lisboa para conversar com o José Veiga. Houve um convite, ele perguntou-me qual a situação actual do Scolari e eu passei-lhe as informações que achei necessárias, entre as quais que ele tem contrato com a FPF até ao dia 31 de Julho", referiu a Record.

O renomado agente FIFA deixou bem vincado que não ficou estabelecido qualquer "timing" para o estabelecimento de um acordo entre o técnico brasileiro e os encarnados. "Fico surpreendido ao ler que o prazo se esgotou. Não definimos qualquer prazo! Conversámos sobre vários assuntos como dois profissionais do futebol que somos, mas nunca ficou fixado qualquer data limite, nem passámos daí", garantiu Gilmar Veloz, acrescentando: "Não há compromisso de nenhuma parte, nem nossa nem do Benfica. Qual o ponto da situação? Não sei, tem de perguntar isso ao Benfica."

Contudo, Gilmar Veloz fez questão de desmontar a teoria de que Scolari é um treinador demasiado dispendioso para os cofres benfiquistas. "Não consigo perceber como é possível dizer-se que o Scolari é caro. Estamos a falar de um profissional que já foi campeão por todos os clubes por onde passou, é o último campeão do Mundo e está agora a trabalhar com a selecção portuguesa", explicou, frisando: "Ele não tem nada a provar, pois o trabalho dele está consolidado."

Questionado de forma directa se Scolari está ou não interessado em orientar o Benfica, Gilmar Veloz esquivou-se. "Não fui eu quem solicitou a reunião, foi o José Veiga. Repito, nem ele nem eu demos qualquer prazo nem ficámos de fazer isto ou aquilo", afirmou, dizendo ainda que o administrador da SAD encarnada responsável pelo futebol "ficou de analisar a situação e dizer alguma coisa".

O certo é que Gilmar Veloz está convicto de que, caso o Benfica esteja determinado a delegar em Scolari a tarefa de suceder a José Antonio Camacho, o processo será célere. "Trabalho no futebol desde 1988 e já aprendi que, quando os clubes querem mesmo contratar algum jogador ou treinador, eles contratam. O clube que quer não conversa. Negoceia e contrata", referiu, passando claramente a bola para o lado dos encarnados.

Para já, os objectivos de Scolari estão bem definidos. "Ele quer elevar o nome de Portugal bem alto e está apostado em tentar colocar a vossa selecção o mais perto possível do título, quem sabe mesmo vencer o Europeu. Isso seria óptimo para o Scolari, para os jogadores e para o povo português", disse, fazendo uma promessa a Madaíl: "Se houver qualquer situação nós iremos comunicar-lhe."
12
Deixe o seu comentário
SUBSCREVA A NEWSLETTER RECORD GERAL
e receba as notícias em primeira mão

Ultimas de Benfica

Notícias

Notícias Mais Vistas

M