Golo de Alfa Semedo quase pagou a sua transferência para o Benfica

Médio acrescentou 1,8 milhões de euros ao saldo do clube, que deu 2 milhões por ele

• Foto: Luís Manuel Neves

O golo de Alfa Semedo permitiu ao Benfica encaixar 2,7 milhões de euros, valor que cada equipa recebe por vencer na fase de grupos, face ao aumento dos prémios atribuídos pela UEFA. Com esse tiro certeiro, o médio quase pagou a transferência do Moreirense para os encarnados.

Alfa entrou pouco antes de o AEK empatar o jogo. Nessa altura, estavam garantidos 900 mil euros. No entanto, quando bateu Barkas, aos 74 minutos, acrescentou 1,8 milhões ao que já estava assegurado. Ora, a SAD desembolsou 2 milhões de euros para resgatar o guineense, de 21 anos. "Entrei para ajudar. Nós jogamos sempre pela equipa. Entrei e calhou-me fazer um golo. Estou feliz pela equipa e pelo golo, também", disse, à TVI, a arma secreta de Rui Vitória. "Foi uma estreia muito importante pelo golo", acrescentou, sobre o primeiro jogo na Champions.

Depois de um golo anulado ao AEK por fora-de-jogo de Giakoumakis, Vitória já tinha Alfa para lançar. O técnico esbracejou para chamar a atenção do árbitro, por forma a permitir a substituição, o que aconteceu. E Alfa viria a marcar. No final, ajoelhou-se junto ao círculo central, rezou e foi abraçado por companheiros e treinadores. E até o Vilafranquense lhe deu os parabéns. "O treinador pediu-me para ajudar a equipa, defender bem, sair bem em contra-ataque e calhou-me marcar. É uma vitória muito importante, pois sabemos que cada ponto nesta competição vale muito. São três pontos muito importantes para nós para o resto da caminhada. Dá confiança e a equipa fica mais motivada para o próximo jogo."

Invasão dos suplentes e sprints sem fim: golo de Alfa deixou jogadores do Benfica em loucura

Por Nuno Martins
53
Deixe o seu comentário

Últimas Notícias

Notícias
Subscreva a newsletter

e receba as noticias em primeira mão

ver exemplo

Ultimas de Benfica

Notícias

Notícias Mais Vistas

Copyright © 2019. Todos os direitos reservados. É expressamente proibida a reprodução na totalidade ou em parte, em qualquer tipo de suporte, sem prévia permissão por escrito da Cofina Media S.A. Consulte a Política de Privacidade Cofina.