Gomes da Silva «completamente contra que sócios de outros clubes» entrem na estrutura do Benfica

Antigo dirigente comenta nomeação de Pedro Mil-Homens

• Foto: Rui Minderico

Não foi só Rui Costa nem os vice-presidentes do Benfica que estiveram na mira de Rui Gomes da Silva no seu longo texto publicado esta segunda-feira no blog 'Novo Geração Benfica'. Também a saída de Nuno Gomes e entrada de Pedro Mil-Homens para a formação dos encarnados foram alvo de análise, criticando a presença na atual estrutura de um antigo diretor do Sporting.

"Tenho a minha ideia formada sobre o processo em questão (e não escondo a minha enorme admiração sobre o caráter e a personalidade de Nuno Gomes). Disse, aliás, que discordava da ideia de alguém responsável por uma auditoria poder substituir quem auditava. Como sou completamente contra que sócios de outros clubes venham para a estrutura profissional do Benfica (o que lá vai, lá vai), mas não percebo como se deixou arrastar este assunto na praça pública como vimos! Já não falo nas mudanças das estruturas de formação dos outros clubes (o próprio Pedro Mil Homens saiu de onde estava sem ninguém o saber... como ninguém sabia onde estava ... porque não estava no Benfica)", escreveu.

Gomes da Silva reconheceu, no entanto, que "compete à direção escolher quem quiser para onde quiser, com as necessárias e inevitáveis reações", mas apontou: "O que não percebo é o deixar arrastar na comunicação a discussão sobre um boato relativo à possível entrada nessa estrutura de formação de alguém que é tão de outro clube ... como eu sou do Benfica! Se era falso, porque não se matou a notícia ao nascer? Ou seria verdade e só a reação pública levou ao abandono da ideia?"

Deixe o seu comentário

Últimas Notícias

Notícias
Subscreva a newsletter

e receba as noticias em primeira mão

ver exemplo

Ultimas de Benfica

Notícias

Notícias Mais Vistas

Copyright © 2019. Todos os direitos reservados. É expressamente proibida a reprodução na totalidade ou em parte, em qualquer tipo de suporte, sem prévia permissão por escrito da Cofina Media S.A. Consulte a Política de Privacidade Cofina.

0