Record

Heynckes: «Jogadores precisam descansar pois a época é muito longa»

ALEMÃO EXPLICA AUSÊNCIA DE SÉRGIO NUNES, POBORSKY E JOÃO PINTO DO “ONZE” INICIAL

A NECESSIDADE de fazer descansar Sérgio Nunes, Poborsky e João Pinto foi a razão apontada por Jupp Heynckes para explicar a não inclusão no “onze” inicial destes três habituais titulares na partida de domingo, frente ao Santa Clara. O treinador do Benfica referiu, uma vez mais, que os vários compromissos que a equipa tem pela frente implicam a tomada deste tipo de opções.

"João Pinto ficou de fora? Eu tirei três jogadores, não só o João Pinto. Poborsky e Sérgio Nunes também não fizeram parte do ‘onze’. Disse, desde o princípio, que a época era longa. Há muitas competições pela frente, pelo que temos necessidade de fazer descansar um ou outro jogador. O plantel do Benfica não é composto por 11 elementos, mas por 25", explicou o técnico alemão.

No habitual comentário às incidências do encontro, Heynckes salientou a necessidade de somar o maior número possível de pontos nas primeiras jornadas da prova, para se poder encarar os restantes jogos com um elevado nível de confiança.

"O resultado deixa-me muito satisfeito, bem como a produção da equipa. Estamos a melhorar de jogo para jogo. Gostei especialmente do primeiro tempo. Subimos no terreno, criámos ocasiões de perigo e fizemos golos. É sempre importante termos um bom início de Campeonato."

O treinador germânico mostrou-se bem menos efusivo quando instado a pronunciar-se sobre a segunda parte do encontro. Heynckes culpou, contudo, o Santa Clara pela quebra de produção do Benfica.

"Não estivemos ao mesmo nível, embora controlássemos o jogo. O nosso adversário foi mais aguerrido e criou-nos dificuldades."

Mawete Júnior, por seu turno, mereceu novos elogios do treinador, embora este salientasse que o angolano entrou um pouco nervoso na partida. "Treina-se connosco há duas ou três semanas, mas vê-se que possui talento, entrega e intuição. São coisas que não se aprendem. Será provavelmente um grande jogador, mas precisa de tempo para se adaptar."

Por último, Heynckes teve ainda ocasião de lamentar o pouco tempo disponível para preparar o jogo com o Santa Clara, dado o facto de "sete ou oito jogadores internacionais terem estado fora durante dez dias".

FOLGA

O plantel dos encarnados goza hoje um dia de folga, regressando no dia seguinte. O treino está previsto para as 10 horas, mas há ainda a possibilidade de ser adiado para a parte da tarde.

LUÍS PEDRO SOUSA

Deixe o seu comentário

Últimas Notícias

Notícias
SUBSCREVA A NEWSLETTER RECORD GERAL
e receba as notícias em primeira mão

Ultimas de Benfica

Notícias

Notícias Mais Vistas

M