Record

João Pinto rescinde com Benfica

CLUBE ANUNCIOU DOMINGO SAÍDA DO CAPITÃO

João Pinto está de saída do Benfica. O internacional português, capitão do clube da Luz nas últimas épocas, já rescindiu o contrato que o ligava aos encarnados até 2004, segundo anunciou a própria administração da Benfica, SAD. O acordo de rescisão foi alcançado por mútuo acordo e João Vieira Pinto fica livre para procurar um novo clube.

"O Benfica iniciou agora um novo ciclo na sua história, o qual implica profundas mudanças, reajustamentos e alterações sobre o passado recente. É neste contexto que foi celebrado este acordo", anunciou a SAD benfiquista, através de comunicado.

«A Sport Lisboa e Benfica SAD deseja ao João Pinto as maiores felicidades e êxitos, sempre que os mesmos não estejam em concorrência com o clube», acrescenta ainda o clube encarnado, reconhecendo porém que o ex-capitão ficará ligado à história do clube, qualquer que seja o seu futuro.

Quanto ao jogador, efectuou uma conferência de Imprensa a meio da tarde, onde aproveitou para agradecer o apoio de alguns amigos ao longo das últimas horas e esclarecer que, neste momento, não sabe qual vai ser o seu futuro.

"Fui dispensado por um treinador que não contava comigo. Neste momento, estou desempregado, mas o que mais me preocupa é a selecção. Estou muito triste. Não tenho contactos com nenhum clube", revelou João Vieira Pinto, esclarecendo que havia tomado conhecimento da dispensa cinco horas antes da partida que Portugal disputou com o País de Gales, sexta-feira à noite, em Chaves.

O ex-benfiquista recordou os oito anos que passou no clube da Luz e as várias propostas recusadas para se manter com a águia ao peito. "Não aceitei porque acreditava no Benfica. Não quero que pensem que me mantive no clube apenas por interesses financeiros", acrescentou.

Reconhecendo que, neste momento, "o melhor era sair" face à falta de interesse de Jupp Heynckes em contar com os seus serviços, o internacional luso revelou que se despediu normalmente do técnico alemão no último dia de trabalho no Benfica e que este não teve coragem em lhe dizer que iria ser dispensado. Mas, mesmo assim, não guarda ressentimentos ao clube, pois, afirma, "o Benfica não são duas pessoas".

Sobre o seu futuro, João Pinto garante não ter qualquer proposta, mantendo a tranquilidade e a concentração nos trabalhos da selecção. A eventualidade de se transferir para outro clube português (o Sporting surge citado com maior frequência) não foi comentada pelo futebolista, tal como um eventual regresso à vida de emigrante.

"Respeito todos os clubes por igual. Vão adiantar muitos nomes nos próximos tempos, mas o futuro a Deus pertence. Está tudo em aberto", concluiu João Pinto, voltando a destacar o total empenho na participação no Euro-2000 ao serviço da selecção.

José Veiga, representante do jogador, em declarações à TSF, garantiu também que não existem qualquer clube interessado e que uma decisão final só terá tomada após o Europeu. "Vamos analisar todas as propostas", referiu.
Deixe o seu comentário

Últimas Notícias

Notícias
SUBSCREVA A NEWSLETTER RECORD GERAL
e receba as notícias em primeira mão

Ultimas de Benfica

Notícias

Notícias Mais Vistas

M