Júlio César e André Almeida para a Supertaça

O guarda-redes foi poupado na Emirates Cup e o internacional português está na fase final do processo de recuperação

• Foto: SL Benfica

O Benfica vai começar hoje a preparação do jogo com o V. Guimarães relativo à Supertaça, agendado para o próximo sábado, e Rui Vitória já sabe que para esta final vai contar com os contributos de Júlio César e André Almeida.

O estado dos dois jogadores é completamente distinto, mas não deixou de causar alguma apreensão aos responsáveis encarnados durante o estágio realizado em Inglaterra. O guarda-redes, de 37 anos, trabalhou com algumas limitações no St. George’s Park, mas só assustou a equipa técnica durante o jogo com o Arsenal, disputado no passado sábado. O jogador saiu queixoso de um lance dividido com Giroud logo nos primeiros minutos do desafio. Após ter sido avaliado pelo médico, o sul-americano deu um sinal positivo ao banco, e acabou por completar os 90 minutos.

Este esforço deixou marcas no atleta que, no final da partida, quando passou pelos jornalistas, não conseguia disfarçar sinais de dores na perna esquerda. Esta situação levou o treinador das águias a prescindir do seu contributo na partida com o RB Leipzig, uma vez que Bruno Varela foi o titular e Paulo Lopes acabou por não sair do banco.

Apesar de a situação ter criado alguma preocupação na Luz, Júlio César é recuperável até sábado. A experiência do guardião já lhe permite identificar os sinais de alarme, de forma a gerir o esforço. A ausência na partida com o clube alemão foi uma medida meramente preventiva para assegurar a sua presença frente aos vimaranenses. É possível que nos próximos dias o camisola 12 ainda se treine com algumas limitações, mas a sua presença na Supertaça parece estar assegurada.

Regresso agendado

A recuperação de André Almeida não deixa de ser outra boa notícia para os benfiquistas. O internacional português, de 26 anos, lesionou-se no passado dia 19 de julho, na véspera da deslocação da equipa ao Algarve, onde defrontou Betis e Hull City. Segundo a informação avançada pelo Benfica, o futebolista sofreu uma contusão na coxa direita que acabou por obrigá-lo a ficar a fazer tratamento no Seixal.

O polivalente jogador seguiu para Inglaterra e, no St. George’s Park, retomou o trabalho de campo, cumprindo assim o plano de recuperação. O tratamento acabou por resultar, e até é possível que hoje já seja reintegrado nos trabalhos. Com este regresso, o problema no lado direito da defesa parece resolvido, pelo menos para o arranque da época.

Krovinovic apto só na Liga

Ausência certa para sábado é Krovinovic, que já se encontra na fase final do respetivo plano de recuperação. A expectativa dos responsáveis encarnados é assegurar que o médio já esteja em condições de ser chamado para a primeira jornada do campeonato, frente ao Sp. Braga.

O reforço proveniente do Rio Ave, recorde-se, foi operado a uma hérnia inguinal durante as férias, uma decisão tomada tendo em vista a sua rápida reintegração no grupo de trabalho. Com esta decisão, o jogador, de 21 anos, acabou por prescindir de parte das férias, pois apresentou-se mais cedo no Seixal para começar o tratamento.

Os resultados surgiram em meados de julho, com o croata a iniciar o trabalho de campo ainda no Seixal. A evolução prosseguiu no St. George’s Park, onde já foi possível captar as primeiras imagens do futebolista no relvado.

Dupla gerida na Emirates

Samaris e Zivkovic não disputaram qualquer minuto nos dois jogos da Emirates Cup, contra Arsenal e RB Leipzig. O médio e o dianteiro não viram o Benfica divulgar qualquer lesão em específico, pelo que terão apenas gerido o esforço neste último fim de semana, que marcou precisamente o final da preparação das águias.

Por Filipe Pedras e João Soares Ribeiro
2
Deixe o seu comentário

Últimas Notícias

Notícias
Subscreva a newsletter

e receba as noticias em primeira mão

ver exemplo

Ultimas de Benfica

Notícias

Notícias Mais Vistas

Copyright © 2020. Todos os direitos reservados. É expressamente proibida a reprodução na totalidade ou em parte, em qualquer tipo de suporte, sem prévia permissão por escrito da Cofina Media S.A. Consulte a Política de Privacidade Cofina.